Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Presente (2013)

Álbum de Bajofondo

Acessos: 65


Para bailar o eletrotango

Por: Roberto Rillo Bíscaro

11/07/2021

Um dos produtos de exportação mais bem sucedidos da Argentina no começo do século 21 foi o eletrotango. Depois da revolução de Piazzola, veio a da moçada que incorporou beats e blips à tradicional música argêntea. Em 2008, a canção Pa’ Bailar, do Bajofondo, foi apresentada ao público brasileiro, via abertura da novela A Favorita. 

Presente conta com orquestra em algumas faixas, além dos sons elétricos, e investe em um par de novas ideias, ampliando o escopo musical do grupo.

O álbum inicia com a languidez de Intro (que encerra Presente, rebatizda como Outro), que dá lugar ao fustigar passional de orquestra e bandonión de Código de Barras.  A canção chicoteia nossos ouvidos deliciosa e aceleradamente sem dó, fazendo com que desejemos que Intro não tivesse existido. Vontade de bailar direto pro deslumbre portenho de Código de Barras, de longe minha favorita no CD. Cuidado de se for ouvir caminhando, você o risco de sair tangueando por la calle!

Pide Piso estaciona o bailado evolutivo do Bajofondo. Não que seja de todo mal, porque é deliciosa, mas a faixa soa como uma P’a Bailar 2, a Vingança.
La Trufa y El Sifon carrega pesinho guitarreiro meio heavy no tango com bandonión, mas que também tem electronica. Melhor se tivesse uns segundos a menos; Presente ultrapassa bem mais d’uma hora, com momentos que nada acrescentam, pois soam repetitivos. Defeito que o torna um álbum muito bom e não maravilhoso. Os quase 3 minutos de chatice a capela de Oigo Voces, podiam ter ficado como exercício vocal para o cantor, antes de entrar no palco.

Sorte que a faixa vem antes da enxurrada dance-pop-rock-orquestral de Cuesta Arriba. Lluvia é uma lavada dance de levantar plateias. Mas, entre as 2, a repetitividade de Rendezvous brocha a relação.

Presente nos presenteia com um punhado de bons momentos e a esfuziante Código de Barras. Só ela já valeria o disco.

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.