Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Reek Of Putrefaction (1988)

Álbum de Carcass

Acessos: 60


Raízes do grindcore

Por: Fábio Arthur

17/02/2021

Marca a estreia do grupo inglês, Carcass, e essa é uma das bandas que falo de boca cheia, já que o grupo é uma das raízes do denominado Grindcore, e consegue ainda a façanha de mostrar um diferencial sonoro e em suas letras - pesadas, pertinentes ao som e ainda com aquele teor gore -, enfim, um grupo que já debutou com uma performance bem alinhada.

O estilo aqui soa forte, mas com uma conotação mais graciosa, ou seja, peso com alegoria em riffs, e bateria de fundo distribuindo notas sem cessar. 

A gravação aqui soa muito simples, algo até mesmo que combina com o som do grupo, mas por outro lado, difere e muito de seus discos sucessores.

Foi lançado em 1988, Paul Tabot na produção e com o apoio do Carcass. A bolacha chegou ao mercado pela Eareche Records e não chega a 40 minutos de duração.

A arte do disco mostra ao que o grupo veio, com colagens bem fortes entre membros humanos e seus afins, sendo que, anos depois, houve uma segunda arte para poder lançar a banda no meio mais comercial. 

John Peel, famoso Dj da BBC, elevou o grupo e disse que era seu álbum favorito do final dos anos 80, e ainda a banda, após isso, chegou ao 6º lugar no Reino Unido.

Ken Owen na bateria, Bill Steer voz e guitarra e Jeff Walker baixo e voz, mantém o trio a princípio como uma força muito voraz sonora, uma muralha mesmo. Alternando vocais dos dois, a coisa fica ainda mais objetiva e soa ultra pesada.

E dá-lhe nomes e sons curtos e fúnebres, além de soarem oportunos ao grupo, tais como: Genital Grinder, Vomited Anal Tract, Suppuration, Foeticed, entre tantos outros títulos bem peculiares.

Uma das obras iniciais do Metal, e mantém-se como clássico perante sua postura e som de época.

Recomendo, se você puder suportar...

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.