Para os que respiram música assim como nós


Resenha: A Hard Day's Night (1964)

Álbum de The Beatles

Acessos: 76


Primeiro esforço completamente original consolida a banda no pop

Por: José Esteves

12/02/2021

Em um dos picos da Beatlemania, a banda decidiu fazer um filme e lançar um álbum que serviria como trilha sonora do mesmo. Lançado duas semanas antes do filme, o disco alcançou platina no reino unido e nos estados unidos, além de ter ficado no topo da paradas no mundo todo.

Esse foi o primeiro disco dos Beatles a ter todas as composições originais, o que é um grande avanço pra banda: é aqui que a marca “Lennon/McCartney” realmente brilha pela primeira vez, mostrando que eles não precisavam de nenhuma versão rock ‘n roll de música antiga para se apoiar. A temática de música de amor continua permeando todas as músicas, mas dessa vez com alguns pequenos “twists”: amor ciumento (“You Can’t Do That”), amor idealizado contra o realizado (“Can’t Buy Me Love” e “Tell Me Why”) e amor arrependido (“If I Fell” e “I Should Have Known Better”).

Infelizmente, para a marca “Lennon/McCartney” brilhar, a marca “Harrison” e “Starkey” tem que ir para o segundo plano, o que é uma pena: é um dos poucos discos que não tem vocais do Ringo ou composições do George. Porém, eles ainda aparecem para a ocasião: a guitarra de George em “And I Love Her” é melódica e se torna o centro da música, isso sem contar o primeiro acorde da primeira música, “A Hard Day’s Night”, que é um marco do rock; e a bateria do Ringo ainda se mantém única em cada uma das músicas.

A melhor música do disco é a introdutória, “A Hard Day’s Night”. Não só ela é uma das mais famosas e facilmente reconhecíveis dos Beatles, ela ainda é uma das poucas do início que tem um solo de guitarra efetivo e que combina perfeitamente com a música (apesar de ser uma música bem boba), tem um baixo que realmente trabalha bastante a música toda. Os vocais compartilhados funcionam muito bem, ora o McCartney sendo apoio ora ele sendo principal, realmente funciona e o Lennon, quando sozinho, arrebenta ela.

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.