Para os que respiram música assim como nós


Resenha: When We All Fall Asleep, Where Do We Go? (2019)

Álbum de Billie Eilish

Acessos: 196


Pouca variação, mas razoável na entrega

Por: José Esteves

29/12/2020

Por ser o disco debut da artista, a tarefa de contextualizar musicalmente o momento do álbum se torna difícil. O que sabemos é que a Billie Eilish e o irmão dela, Finneas, gravaram o álbum inteiro em um estúdio caseiro (assim como gravaram várias outras músicas nos três anos anteriores que a cantora se encontra nos holofotes). O álbum foi um sucesso de crítica, garantindo ao hit single mais de um bilhão de execuções e o grammy de disco do ano.

O disco não apresenta muita variação quanto a execução: a maior parte dele são músicas que o vocal soporífico da Billie carrega por cima de uma batida eletrônica ou um sintetizador dando um clima bem minimalista ao projeto como um todo. Apesar de apresentar uma melancolia absurda, a vocalista canta bem, forçando elementos mais felizes da música a parecerem sarcásticas ou falsas. A produção de Finneas também não peca, com efeitos interessantes em cima da voz da Billie e em cima das várias vozes instrumentais que o disco apresenta.

A maior parte das faixas segue uma construção similar de “vocal simples com alguns efeitos em cima de batida simples com alguns efeitos”, com as faixas piores sendo as que seguem isso mais de perto (“xanny” e “ilomilo”). As mais “acústicas” (por falta de uma palavra melhor) são bem vindas (“wish you were gay” e “8”), mas algumas acabam ficando com um som de canção de ninar (“i love you”).

A melhor faixa do disco é “all the good girls go to hell”, uma das poucas divertidas do álbum, com sinais claros de um teclado óbvio e claro, além da presença única do que parece ser um baixo de verdade. O vocal da Billie é o mesmo do disco inteiro, mas nessa tem um vocal mais animadinho, comparativamente falando.

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.