Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Power Up (2020)

Álbum de AC/DC

Acessos: 236


Ligado no 220

Por: Fábio Arthur

13/11/2020

A volta da trupe Brian e Rudd fez muito bem, além da competência de Angus e todo o grupo.

Em "Power Up", a banda traz o som clássico e marcante, mas se apodera de um timbre de guitarra bem delineado com certa nuance mais rocker, e timbragem menos seca que outrora.

Em relação ao trabalho anterior, aqui o grupo consegue ser ainda mais delicioso e coloca o ouvinte em um seguimento vigoroso. São pouco mais de 40 minutos com produção de Brendan O' Brian.

A arte vem em uma versão com um digipack duplo com um diferencial da versão que vai seguir mundo afora após as prensagens iniciais. Alguns vídeos foram feitos e a faixa de destaque seria "Shot in the Dark".

Em "PWRUP" o grupo traz seus momentos mágicos como nas faixas "Realize", "Witch Spell", "Rejection", "Demon Fire" e "Cod Red".

Ao ouvir o disco e como fã do grupo, sinto que, se a banda parar por esse, ela fecha com chave de ouro.

Brian manda muito bem nas suas partes e o grupo todo, em uma homenagem justa a Malcolm, traz o melhor de si e de sons entre puro Rock and Bluesy.

Eletrizante!

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.