Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Ready An' Willing (1980)

Álbum de Whitesnake

Acessos: 158


Hard competente

Por: Fábio Arthur

09/11/2020

Em 1980, o Whistesnake protagonizou um dos maiores discos de sua carreira, vindo do alicerce do Blues e Rock, a banda chegou com "Ready An' Willing", detonando.

Martin Birch - saudoso - é quem toma conta da produção e isso explica a bateria forte e o vocal pesado e aberto de Coverdale. O terceiro disco do grupo inglês é o que começou a impactar a banda em mídia e concertos mais incisivos.

Ian Paice na bateria, Bernie Marsden e Moody nas guitarras, Jon Lord teclados e Neil Murray no baixo, a pegada soa intensa e feroz. A obra verte se forma muito coesa e sons clássicos saíram desse petardo, tais como: "Fool for Your Loving", "Ready An' Willing", "Blindman" com sua letra poderosa e "Ain't Gonna Cry no More".

Um perfeito som em uma época em que as bandas eram reais ao seus propósitos e muito bem férteis em todos os quesitos.

Clássico!

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.