Para os que respiram música assim como nós


Resenha: 10 From 6 (1985)

Álbum de Bad Company

Acessos: 70


Boa retrospectiva dos primórdios do Bad Company!

Autor: Débora Arruda Jacó

16/10/2020

O Bad Company foi um dos melhores grupos surgidos nos anos 1970: após sair do grupo Free, Paul Rodgers fundou o Bad Company (conhecido também como Bad Co) e para essa nova empreitada, chamou grandes músicos e o resultado só poderia ter sido ótimo. Porém, Rodgers viria a sair do grupo após o lançamento do álbum “Rough Diamonds” (1982). O Bad Company a partir de 1986, contou com novo vocalista, Brian Howe (falecido), mas antes do “debut” do novo vocalista seria lançado 10 From 6, um pequeno resumo de uma carreira gloriosa. Logicamente, que os fãs sabem que o Bad Co  tem mais  outras canções ótimas do que as apresentadas aqui ,  e não é  fácil selecionar algumas entre tantas, mas vamos à analise geral.

“Can’t Get Enough” abre o álbum e se trata de uma das melhores canções de hard rock e a voz de Rodgers está perfeita aqui. A segunda faixa é a linda “Feel Like Makin’ Love” (do segundo álbum Straight Shooter), uma canção de amor bela e sensual ao mesmo tempo – o vocalista canta lindamente esse tema e os arranjos musicais são lindos e combinam com os versos cantados. A terceira é “Run With The Pack” do álbum de 1976 e é uma música bem legal – grande rock’n’roll! A próxima é a maravilhosa “Shooting Star” que conta a história de um jovem que deseja ser um “rock star”. Particularmente, uma das minhas preferidas. “Movin’On” é outra que merece menção honrosa: hard rock incrível, vocais que se aproximam da perfeição. Só uma pequena observação: quando escuto o riff dessa musica, lembro-me de “Brown Sugar” dos Stones – sem nenhuma conotação negativa, pois acho ambas excelentes. “Bad Company” é a seguinte faixa: composição que apresenta letra “contundente”, mas ao mesmo tempo bonita. Rodgers com sua bela voz deixa a música mais “leve”. (O destino é um Sol nascente/Eu nasci com uma escopeta na mão/ Por trás da arma eu faço meu confronto final/ É por isso que eles me chamam de Má companhia). Tanto Movin’On,  Bad Company e Can’t Get Enough fazem parte do disco de estreia. “Rock ‘N’Roll Fantasy” é a faixa sete e única contribuição do álbum Desolation Angels: é uma música maravilhosa, rock’n’roll contagiante e com um belo riff na introdução. “Electric Land” é outra faixa inesquecível com linda sonoridade. A nona canção é outra extraída (novamente) do maravilhoso álbum de estreia: “Ready for Love”, uma balada linda. E fechando a coletânea temos a excelente “Live for the Music”, hard rock fantástico do álbum “Run with the Pack”.  Aliás, desse álbum também poderiam fazer parte canções como “Simple Man” ou “Silver, Blue & Gold”, mas a coletânea só havia espaço para dez canções...

Para aqueles que estão começando a conhecer o Bad Company, recomendo essa coletânea: aqui temos uma pequena amostra do trabalho dessa grande banda. Vale muito a pena!

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Compartilhe:

Comente: