Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Ballistic Sadistic (2020)

Álbum de Annihilator

Acessos: 97


Outro disco excelente do Annihilator, alguma novidade?

Autor: Marcel Z. Dio

07/09/2020

Ah, esse tal de Annihilator ... thrash que conheci em 1900 e bolinha e até hoje continua distribuindo discos acima da média. O que dizer dessa banda, ou para ser mais especifico, de Jeff Waters?

Quando discurso sobre a discografia impecável do Testament e Slayer, também sou obrigado a dizer que o Annihilator é uma fábrica de música boa e que Ballistic Sadistic voa no fundo do gol e o goleiro nem na foto sai. Não importa qual seja a formação do grupo, (foram inúmeras) se o chefe Jeff Waters está lá, é o que basta. E o fato de ter assumido o baixo e os vocais, a exemplo de For The Demented (2017) só reforça que a capacidade do cara não deve ser posta em "xeque"!

Por isso não apegue-se somente aos gloriosos tempos de Alice in Hell (1989) e Never, Neverland (1990) e veja que Ballistic Sadistic soa tão bem quanto eles, apenas diferente pela produção polida e som mais moderno, afinal estamos em 2020 (caso alguém esqueça).
Do mais, é uma bordoada atrás da outra, e tão bem distribuído que não carece citar destaques.

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Compartilhe:

Comente: