Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Bayou Country (1969)

Álbum de Creedence Clearwater Revival

Acessos: 149


Aclamado

Autor: Fábio Arthur

17/07/2020

Que festa é ouvir o Creedence Clearwater Revival. Já no segundo disco, em 1969, a banda trazia a ótima vertente entre Rock, Country e Swamp Rock.

John Fogerty produziu a paulada, e o álbum chega um pouco acima de 30 minutos, e esses marcam um extremo bom gosto.

Basul Parik trouxe a arte de capa bem desfocada, mas que combinou com o teor musical. Aqui foi a entrada de descoberta para a banda seguir seu legítimo estilo e/ou som.

E as canções fluem extremamente bem, clássicos como Born on the Bayou não deixam mentir. E a bela Proud Mary também não. Enfim, a banda ainda tece algo no quesito cover e outras faixas de porte absoluto.

Esse é também obrigatório na coleção.

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Compartilhe:

Comente: