Para os que respiram música assim como nós


Resenha: Eyes That See In The Dark (1983)

Álbum de Kenny Rogers

Acessos: 634


Master class do country pop

Por: Marcel Z. Dio

22/03/2020

Pode parecer pretensioso produzir um texto justamente no dia seguinte a morte de Kenny Rogers, e também surpreendente ver pessoas comovidas com sua morte em postagens de facebook. Falo isso porque raramente vejo suas músicas em grupos ou qualquer tipo de matéria. Talvez por fazer parte de um estilo puramente americano e fora do rock and roll, apesar do parentesco entre gêneros. 
Não sou um fã de Kenny Rogers e conheço sua discografia tão quanto ao do grupo Los Hermanos, tendo somente o LP referente ao texto e uma coletânea de canções bem antigas, a qual ouvi apenas duas ou três vezes.
Voltei para falar de Eyes That See In The Dark, disco que fez parte da minha infância. Minha mãe e irmão ouviam quase todo santo dia e por fim acabei contagiado.

Eyes That See In The Dark aposta em sons comerciais, perfeitos para tocar em rádios. União certeira entre o pop e o country em arranjos sublimes e convidados como Dolly Parton e Barry Gibb (Bee Gees) esse, como cantor, produtor e compositor. Também do saudoso Maurice Gibb, participando em guitarras, contrabaixo, teclados, backing vocals e letras.
Escolher um ou outro destaque, é perder tempo, pois o álbum tem dez faixas e todas com potenciais de hit. Por isso é meu disco preferido de 1983, bom ... digamos que fique entre um empate com Holy Diver (Dio).

Enfim, o curto texto (escasso em informações) vale mais como dica para que os membros do 80 Minutos entrem em contato urgente com essa obra. E o desafio é que vocês consigam encontrar uma faixa considerada mediana, acho difícil.
"Rogers partiu em paz aos 81 anos, em casa. Morreu de causas naturais, cercado por seus entes queridos", disseram os familiares em comunicado divulgado à imprensa.


As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.