Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: Pretty Maids - Pandemonium (2010)

Por: Jeferson Barbosa

Acessos: 166

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
Retorno em grande estilo
4.5
14/11/2018

Desde 2006 sem gravar um álbum de inéditas, o Pretty Maids com certeza agradou e muito os fãs da banda ao lançarem no mercado este ótimo Pandemonium.
É uma pena que os Maids não sejam muito conhecidos no Brasil, já que seus trabalhos anteriores não foram lançados por aqui, trabalhos aliás de respeito, como o caso dos ótimos “Carpe Diem”, “Planet Panic” , “Scream” e “Future World” só para citar alguns na vasta discografia que vem desde a década de 80 quando o Glam-Rock dominava o cenário ao menos nos Estados Unidos.
Em Pandemonium a dupla Atkins (vocal) e Hammer (guitarra) continua infalível em sua proposta de tocarem um Hard-Rock vigoroso que beira o Heavy Metal, com melodias bem elaboradas.
Atkins mesmo com sua alta rodagem ainda demonstra um potente vozeirão que emociona, assim como Hammer que desfila seus riffs matadores e primorosos, basta conferir a faixa “It Comes At Night”, maravilhosa diga-se de passagem.
Destacam-se ainda “Little Drops Of Heaven” com um jeitão meio comercial mas que “pega na veia” com sua melodia na medida certa emendando em um refrão poderoso que todos sentirão vontade de cantar a plenos pulmões.
“Beautiful Madness” também tem o peso costumeiro do estilo que consagrou os Maids, assim como “Breathless” que mistura balada com uma base pra lá de eficiente de Hammer, a cozinha também se mostra super afiada no trabalho.
“N.V.U’ começa com uma linha de baixo sombria abrindo espaço para outra ótima canção.
Contando com uma produção de tirar o chapéu, Pandemonium pode ser classificado como um trabalho acima da média e que com certeza marcou o retorno do Pretty Maids em grande estilo dando seqüência ao legado deixado há 4 anos, quando do lançamento de “Wake Up To The Real World” de 2006.
Longa vida aos Maids!

Retorno em grande estilo
4.5
14/11/2018

Desde 2006 sem gravar um álbum de inéditas, o Pretty Maids com certeza agradou e muito os fãs da banda ao lançarem no mercado este ótimo Pandemonium.
É uma pena que os Maids não sejam muito conhecidos no Brasil, já que seus trabalhos anteriores não foram lançados por aqui, trabalhos aliás de respeito, como o caso dos ótimos “Carpe Diem”, “Planet Panic” , “Scream” e “Future World” só para citar alguns na vasta discografia que vem desde a década de 80 quando o Glam-Rock dominava o cenário ao menos nos Estados Unidos.
Em Pandemonium a dupla Atkins (vocal) e Hammer (guitarra) continua infalível em sua proposta de tocarem um Hard-Rock vigoroso que beira o Heavy Metal, com melodias bem elaboradas.
Atkins mesmo com sua alta rodagem ainda demonstra um potente vozeirão que emociona, assim como Hammer que desfila seus riffs matadores e primorosos, basta conferir a faixa “It Comes At Night”, maravilhosa diga-se de passagem.
Destacam-se ainda “Little Drops Of Heaven” com um jeitão meio comercial mas que “pega na veia” com sua melodia na medida certa emendando em um refrão poderoso que todos sentirão vontade de cantar a plenos pulmões.
“Beautiful Madness” também tem o peso costumeiro do estilo que consagrou os Maids, assim como “Breathless” que mistura balada com uma base pra lá de eficiente de Hammer, a cozinha também se mostra super afiada no trabalho.
“N.V.U’ começa com uma linha de baixo sombria abrindo espaço para outra ótima canção.
Contando com uma produção de tirar o chapéu, Pandemonium pode ser classificado como um trabalho acima da média e que com certeza marcou o retorno do Pretty Maids em grande estilo dando seqüência ao legado deixado há 4 anos, quando do lançamento de “Wake Up To The Real World” de 2006.
Longa vida aos Maids!

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Sonata Arctica - Winterheart's Guild (2003)

Muito bem lapidado!
5
Por: João Paulo
23/11/2018
Album Cover

Helloween - Chameleon (1993)

Um álbum controverso, porém ótimo. Mas é um álbum do Helloween?
3.5
Por: André Luiz Paiz
22/10/2017
Album Cover

Virgin Steele - The Marriage Of Heaven And Hell - Part Two (1995)

Invocando o lado épico mais uma vez
5
Por: Vitor Sobreira
23/01/2019