Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: Venom - Black Metal (1982)

Por: Fábio Arthur

Acessos: 157

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
Power trio de peso
5
06/11/2018

O segundo disco da banda inglesa Venom veio autointitulado, de forma que fosse bem sugestivo e daria nome a uma vertente do Heavy Metal. Denominado “Black Metal”, serviria de fonte para outras bandas anos depois, passando a levar a bandeira de um estilo. 

O Venom, desde o primeiro petardo “Welcome to Hell”, influenciava, de certa forma, bandas como o Metallica e Slayer, mas depois de “Black Metal”, a coisa seria bem diferente.

Lançado em novembro de 1982, esse seria um marco na rota do som pesado e faria toda diferença, trazendo mais fãs e os jornalistas especializados juntos de si. Desde sua arte de capa, fenomenal, e fortemente agraciada com um bode horrendo e macabro, a banda seria almejada com furor por muitos mundo afora; isso mostrava claramente que o estilo da banda e sua incursão em uma vertente satanista chamava a atenção devida.

O disco logicamente entrou para a lista dos mais reconhecidos e seu speed, thrash e, por assim dizer, black metal, veio somente coroar a posição de um dos 100 long plays mais imponentes do heavy.

Keith Nichol e a banda trouxeram, em um pouco mais de 39 minutos, uma sonoridade agressiva e suja, mas que funcionou perfeitamente com o estilo do grupo. No mais, a banda caminha certeira entre uma veia que, naquele momento, traria muito sucesso e assim dizendo o auge do grupo.

As boas faixas são muitas aqui, mas vale ressaltar algumas delas, como a maravilhosa “Black Metal”, “To Hell and Back”, “Buried Alive”, “Sacrifice”, “Countess Bathory” e “Dont Burn The Witch”. O disco vem muito sugestivo em LP, trazendo o Lado Black e o Lado Metal, e mostra como um todo, um apanhado de faixas que são muito boas em conjunto. 

Black Metal, prima por ser um dos discos mais amado por fãs e bandas de metal, além de soar como uma forte iniciação ao heavy metal de peso. 

Power trio de peso
5
06/11/2018

O segundo disco da banda inglesa Venom veio autointitulado, de forma que fosse bem sugestivo e daria nome a uma vertente do Heavy Metal. Denominado “Black Metal”, serviria de fonte para outras bandas anos depois, passando a levar a bandeira de um estilo. 

O Venom, desde o primeiro petardo “Welcome to Hell”, influenciava, de certa forma, bandas como o Metallica e Slayer, mas depois de “Black Metal”, a coisa seria bem diferente.

Lançado em novembro de 1982, esse seria um marco na rota do som pesado e faria toda diferença, trazendo mais fãs e os jornalistas especializados juntos de si. Desde sua arte de capa, fenomenal, e fortemente agraciada com um bode horrendo e macabro, a banda seria almejada com furor por muitos mundo afora; isso mostrava claramente que o estilo da banda e sua incursão em uma vertente satanista chamava a atenção devida.

O disco logicamente entrou para a lista dos mais reconhecidos e seu speed, thrash e, por assim dizer, black metal, veio somente coroar a posição de um dos 100 long plays mais imponentes do heavy.

Keith Nichol e a banda trouxeram, em um pouco mais de 39 minutos, uma sonoridade agressiva e suja, mas que funcionou perfeitamente com o estilo do grupo. No mais, a banda caminha certeira entre uma veia que, naquele momento, traria muito sucesso e assim dizendo o auge do grupo.

As boas faixas são muitas aqui, mas vale ressaltar algumas delas, como a maravilhosa “Black Metal”, “To Hell and Back”, “Buried Alive”, “Sacrifice”, “Countess Bathory” e “Dont Burn The Witch”. O disco vem muito sugestivo em LP, trazendo o Lado Black e o Lado Metal, e mostra como um todo, um apanhado de faixas que são muito boas em conjunto. 

Black Metal, prima por ser um dos discos mais amado por fãs e bandas de metal, além de soar como uma forte iniciação ao heavy metal de peso. 

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Mais Resenhas de Venom

Album Cover

Venom - At War With Satan (1984)

Black Metal inovador
5
Por: Fábio Arthur
25/09/2018

Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Sepultura - Schizophrenia (1987)

Orgulho brasileiro
5
Por: Fábio Arthur
10/10/2018
Album Cover

Metal Church - Metal Church (1984)

Excelente início
5
Por: Fábio Arthur
01/11/2018
Album Cover

Metallica - Ride The Lightning (1984)

Grande agressividade, técnica e gama de expressão musical
5
Por: Tiago Meneses
06/11/2018