Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: King Company - One For The Road (2016)

Por: André Luiz Paiz

Acessos: 112

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
Um álbum de hard/metal com boas músicas, mas sem inovações
3.5
20/09/2017

King Company é um grupo de heavy metal e hard rock formado inicialmente pelo baterista Mirka "Leka" Rantanen. Conta também com a participação do excelente vocalista Pasi Rantanen, da já conhecida banda Thunderstone.
O álbum de estreia, "One For The Road", lançado pela Frontiers, traz canções bem trabalhadas e excelente produção, em uma mescla de hard rock com influências de metal melódico e heavy metal tradicional. Peca um pouco pela falta de originalidade, já que a maioria das faixas desperta a sensação de: "já ouvi isso antes". Aqui há similaridades com Deep Purple, Gotthard, Whitesnake, The Poodles, Pink Cream 69 e por aí vai...

Faixas de destaque: A rápida e pesada "One For The Road", "No Man's Land", a melhor do disco: "Farewell", e "One Heart". O restante é, infelizmente, mais do mesmo.

Dentre os músicos o destaque é Pasi Rantanen, em mais uma grande performance.

Um álbum de hard/metal com boas músicas, mas sem inovações
3.5
20/09/2017

King Company é um grupo de heavy metal e hard rock formado inicialmente pelo baterista Mirka "Leka" Rantanen. Conta também com a participação do excelente vocalista Pasi Rantanen, da já conhecida banda Thunderstone.
O álbum de estreia, "One For The Road", lançado pela Frontiers, traz canções bem trabalhadas e excelente produção, em uma mescla de hard rock com influências de metal melódico e heavy metal tradicional. Peca um pouco pela falta de originalidade, já que a maioria das faixas desperta a sensação de: "já ouvi isso antes". Aqui há similaridades com Deep Purple, Gotthard, Whitesnake, The Poodles, Pink Cream 69 e por aí vai...

Faixas de destaque: A rápida e pesada "One For The Road", "No Man's Land", a melhor do disco: "Farewell", e "One Heart". O restante é, infelizmente, mais do mesmo.

Dentre os músicos o destaque é Pasi Rantanen, em mais uma grande performance.

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Iron Butterfly - In-A-Gadda-Da-Vida (1968)

Mais importante pelo fator histórico do que de fato pela música apresentada
3
Por: Tiago Meneses
29/04/2018
Album Cover

Deep Purple - Machine Head (1972)

Uma experiência fascinante entre o rock, blues e o hard
5
Por: Fábio Arthur
22/02/2019
Album Cover

Judas Priest - Jugulator (1997)

Metal forjado com unhas e dentes
4
Por: Jeferson Barbosa
09/11/2018