Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: The Beatles - Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (1967)

Por: André Luiz Paiz

Acessos: 146

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
O cinquentinha que mudou a história do rock
5
09/09/2017

É uma sensação estranha criar uma resenha sobre um dos discos mais importantes da história do rock. Um dos álbuns que mais ouvi na vida e um dos mais espetaculares da minha coleção.
Estamos em 1967. Após a turnê de "Revolver", os Beatles tinham decidido não fazer mais shows, passando a se dedicar exclusivamente à arte de fazer álbuns. O primeiro desafio: "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", deveria ser um álbum que não fosse possível ser executado ao vivo. O compromisso dos "fab four" era explorar ao máximo elementos por eles nunca explorados.
"Sgt. Pepper's" foi um conceito proposto por Paul McCartney, que sugeriu a ideia de se apresentarem como uma nova banda, com um novo nome. O álbum seria conceitual e serviria como um cartão de visitas para o novo grupo. Ideia que acabou sendo abandonada durante a gravação.

Agora vamos falar das faixas:

"Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band": Um rock espetacular de Paul McCartney, ainda dentro do conceito de divulgação do novo grupo.

"With a Little Help From My Friends": Também de Paul para Ringo. Conta com vocais de apoio espetaculares auxiliando Ringo, como diz a letra.

"Lucy in the Sky with Diamonds": Uma faixa psicodélica cheia de mistérios em sua curiosa letra. Contribuição de John Lennon.

"Getting Better", "Fixing A Hole" e "She's Leaving Home": Três temas excelentes de Paul. A primeira, uma bela faixa de Rock. A última, uma das mais belas faixas compostas pelos Beatles e que merecia muito mais destaque.

"Being for the Benefit of Mr. Kite!": Um tema interessante de John, com uma sonoridade circense. A linha de baixo de Paul é matadora.

"Within You Without You": Uma faixa indiana de George. A mais fraca do álbum.

"When I'm Sixty-Four": A divertida faixa de Paul sobre a velhice. Totalmente "não rock" e divide opiniões. Eu gosto!

"Lovely Rita": Outro tema interessante de Paul e com grandes vocalizações de John.

"Good Morning Good Morning": Um bom Rock de John, considerado por ele como um exercício.

"Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (Reprise)": Aqui o tema da faixa de abertura se repete, encaminhando o álbum para o desfecho, com a espetacular...

"A Day in the Life": Ah, John Lennon... que obra-prima! Lembro-me de assistir uma entrevista de Paul em que ele compartilhava da empolgação que sentia quando John lhe apresentava temas como estes. Paul dizia que não via a hora de pôr as mãos e se divertir. Nesta faixa, Paul também contribuiu com o tema entre as orquestrações (Woke up, fell out of bed...).

É uma longa resenha, mas é impossível que seja de outra forma. Gostaria de destacar também o trabalho fantástico do quinto Beatle, George Martin, na produção. Que talento!

E para quem ainda não está satisfeito, lembre-se que "Strawberry Fields Forever" e "Penny Lane" também foram compostas no mesmo período. Ou seja, a criatividade transbordava por todos os lados.

Parabéns pelos 50 anos "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band"!

O cinquentinha que mudou a história do rock
5
09/09/2017

É uma sensação estranha criar uma resenha sobre um dos discos mais importantes da história do rock. Um dos álbuns que mais ouvi na vida e um dos mais espetaculares da minha coleção.
Estamos em 1967. Após a turnê de "Revolver", os Beatles tinham decidido não fazer mais shows, passando a se dedicar exclusivamente à arte de fazer álbuns. O primeiro desafio: "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", deveria ser um álbum que não fosse possível ser executado ao vivo. O compromisso dos "fab four" era explorar ao máximo elementos por eles nunca explorados.
"Sgt. Pepper's" foi um conceito proposto por Paul McCartney, que sugeriu a ideia de se apresentarem como uma nova banda, com um novo nome. O álbum seria conceitual e serviria como um cartão de visitas para o novo grupo. Ideia que acabou sendo abandonada durante a gravação.

Agora vamos falar das faixas:

"Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band": Um rock espetacular de Paul McCartney, ainda dentro do conceito de divulgação do novo grupo.

"With a Little Help From My Friends": Também de Paul para Ringo. Conta com vocais de apoio espetaculares auxiliando Ringo, como diz a letra.

"Lucy in the Sky with Diamonds": Uma faixa psicodélica cheia de mistérios em sua curiosa letra. Contribuição de John Lennon.

"Getting Better", "Fixing A Hole" e "She's Leaving Home": Três temas excelentes de Paul. A primeira, uma bela faixa de Rock. A última, uma das mais belas faixas compostas pelos Beatles e que merecia muito mais destaque.

"Being for the Benefit of Mr. Kite!": Um tema interessante de John, com uma sonoridade circense. A linha de baixo de Paul é matadora.

"Within You Without You": Uma faixa indiana de George. A mais fraca do álbum.

"When I'm Sixty-Four": A divertida faixa de Paul sobre a velhice. Totalmente "não rock" e divide opiniões. Eu gosto!

"Lovely Rita": Outro tema interessante de Paul e com grandes vocalizações de John.

"Good Morning Good Morning": Um bom Rock de John, considerado por ele como um exercício.

"Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (Reprise)": Aqui o tema da faixa de abertura se repete, encaminhando o álbum para o desfecho, com a espetacular...

"A Day in the Life": Ah, John Lennon... que obra-prima! Lembro-me de assistir uma entrevista de Paul em que ele compartilhava da empolgação que sentia quando John lhe apresentava temas como estes. Paul dizia que não via a hora de pôr as mãos e se divertir. Nesta faixa, Paul também contribuiu com o tema entre as orquestrações (Woke up, fell out of bed...).

É uma longa resenha, mas é impossível que seja de outra forma. Gostaria de destacar também o trabalho fantástico do quinto Beatle, George Martin, na produção. Que talento!

E para quem ainda não está satisfeito, lembre-se que "Strawberry Fields Forever" e "Penny Lane" também foram compostas no mesmo período. Ou seja, a criatividade transbordava por todos os lados.

Parabéns pelos 50 anos "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band"!

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Mais Resenhas de The Beatles

Album Cover

The Beatles - Abbey Road (1969)

Uma verdadeira obra de arte da música e um clássico inovador
5
Por: Tiago Meneses
21/05/2018
Album Cover

The Beatles - Rubber Soul (1965)

Os novos rumos
5
Por: Fábio Arthur
15/01/2019
Album Cover

The Beatles - A Hard Day's Night (1964)

A consolidação da dupla Lennon e McCartney
5
Por: André Luiz Paiz
03/09/2018

Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Lobão - Nostalgia Da Modernidade (1995)

Sem medo de ousar
4.5
Por: Marcel Z. Dio
11/12/2018
Album Cover

AC/DC - Flick Of The Switch (1983)

Tentando se manter no topo
3
Por: Fábio Arthur
28/10/2018
Album Cover

Paul Simon - Hearts And Bones (1983)

Um álbum subestimado, mas recheado de grandes momentos
4
Por: André Luiz Paiz
19/11/2017