Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: Bryan Adams - Bryan Adams (1980)

Por: André Luiz Paiz

Acessos: 168

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
A estreia de uma grande estrela canadense
3
24/12/2017

Não importa a sua vertente musical favorita, mas uma coisa é certa: você certamente já ouviu falar de Bryan Adams. Esta estrela canadense já atingiu o topo diversas vezes, vendendo mais de 75 milhões de álbuns, além de ser criador de diversos hits.

Bryan lançou seu álbum de estreia em carreira solo em 1980, com apenas 21 anos, após uma rápida passagem como vocalista do segundo álbum de uma banda chamada Sweeney Todd. Começou jovem já desenvolvendo seu lado compositor, o que viria a lhe trazer muito destaque mais adiante. O trabalho mostra um garoto ousado e talentoso, começando a se aventurar no mundo da música e demonstrando várias facetas. Em conjunto com seu parceiro também compositor Jim Vallance, lançaram um álbum interessante e que possui ótimos momentos.

"Bryan Adams", o álbum, não é perfeito. Claro que falta uma certa maturidade, já que algumas canções são repetitivas e que poderiam ter sido transformadas com arranjos adequados. Falta também peso, pois algumas faixas como "Hidin' from Love", que foi muito bem no Canadá, "Remember" e a minha favorita "Try to See It My Way", são canções com muito potenciais, mas acabaram ofuscadas pela produção ruim.
Futuramente Bryan Adams se tornaria famoso também pelo fantástico "feeling" para criar baladas. Há bons momentos aqui com "Give Me Your Love" e "State Of Mind", porém outras canções são mais erros que acertos, pois algumas faixas chegam a caminhar até para o lado "disco", estilo que Bryan jamais viria a explorar em sua fase mais rock. Já "Wait and See" soa bobinha e cansativa.

A resenha parece uma crítica mais negativa do que positiva, mas não é. "Bryan Adams" é um bom álbum e deve ser considerado como o primeiro degrau de uma estrela em desenvolvimento rumo ao sucesso. Ouvir Bryan cantando é sempre prazeroso, aqui principalmente quando atinge as notas do refrão de "Try to See It My Way", recurso que viria a utilizar muito posteriormente.  Além disso, são trinta minutos que passam rapidamente e definitivamente lhe chamarão a atenção em algum momento.

A estreia de uma grande estrela canadense
3
24/12/2017

Não importa a sua vertente musical favorita, mas uma coisa é certa: você certamente já ouviu falar de Bryan Adams. Esta estrela canadense já atingiu o topo diversas vezes, vendendo mais de 75 milhões de álbuns, além de ser criador de diversos hits.

Bryan lançou seu álbum de estreia em carreira solo em 1980, com apenas 21 anos, após uma rápida passagem como vocalista do segundo álbum de uma banda chamada Sweeney Todd. Começou jovem já desenvolvendo seu lado compositor, o que viria a lhe trazer muito destaque mais adiante. O trabalho mostra um garoto ousado e talentoso, começando a se aventurar no mundo da música e demonstrando várias facetas. Em conjunto com seu parceiro também compositor Jim Vallance, lançaram um álbum interessante e que possui ótimos momentos.

"Bryan Adams", o álbum, não é perfeito. Claro que falta uma certa maturidade, já que algumas canções são repetitivas e que poderiam ter sido transformadas com arranjos adequados. Falta também peso, pois algumas faixas como "Hidin' from Love", que foi muito bem no Canadá, "Remember" e a minha favorita "Try to See It My Way", são canções com muito potenciais, mas acabaram ofuscadas pela produção ruim.
Futuramente Bryan Adams se tornaria famoso também pelo fantástico "feeling" para criar baladas. Há bons momentos aqui com "Give Me Your Love" e "State Of Mind", porém outras canções são mais erros que acertos, pois algumas faixas chegam a caminhar até para o lado "disco", estilo que Bryan jamais viria a explorar em sua fase mais rock. Já "Wait and See" soa bobinha e cansativa.

A resenha parece uma crítica mais negativa do que positiva, mas não é. "Bryan Adams" é um bom álbum e deve ser considerado como o primeiro degrau de uma estrela em desenvolvimento rumo ao sucesso. Ouvir Bryan cantando é sempre prazeroso, aqui principalmente quando atinge as notas do refrão de "Try to See It My Way", recurso que viria a utilizar muito posteriormente.  Além disso, são trinta minutos que passam rapidamente e definitivamente lhe chamarão a atenção em algum momento.

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Mais Resenhas de Bryan Adams

Album Cover

Bryan Adams - You Want It, You Got It (1981)

Escolhendo o caminho certo
3.5
Por: André Luiz Paiz
30/05/2018

Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

John Lennon - Plastic Ono Band (1970)

O grande primeiro registro solo de John Lennon
4.5
Por: André Luiz Paiz
10/01/2018
Album Cover

Titãs - Nheengatu (2014)

Nheengatu e a volta dos cinquentões da pesada
3
Por: Roberto Rillo Bíscaro
17/11/2018
Album Cover

André Christovam - Mandinga (1989)

Um tesouro do blues nacional
5
Por: Marcel Z. Dio
06/12/2018