Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: SOTO - Inside The Vertigo (2015)

Por: André Luiz Paiz

Acessos: 150

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
Jeff Scott Soto com nova banda em um álbum pesado e moderno
4.5
10/12/2017

Que Jeff Scott Soto é um vocalista espetacular nós já sabemos. Porém, algo que deve ser destacado também sobre sua longa carreira, é que JSS dificilmente se repete. Os projetos que participa e até mesmo seus álbuns solo possuem notável diferenciação, sendo que atravessa estilos como: pop, hard rock, AOR, rock clássico e heavy metal. SOTO é o nome desta nova banda/projeto e traz uma sonoridade surpreendente e que desperta a atenção logo de cara. Peso (muito peso), melodia e uma produção espetacular fazem de "Inside The Vertigo" um dos melhores trabalhos de 2015.

Assim que começa a primeira faixa "Final Say", recebemos logo de cara um petardo. Peso, muito peso, com a voz de Jeff em ótima forma e trazendo um cartão de visita empolgante. Agora, tente ficar parado com "The Fall". Com seu refrão grudento, é impossível.
Vários momentos deste álbum são de puro heavy metal de extrema qualidade. "Narcissistically Yours", "Trance", "Jealousy" e "Wrath" estão aí para comprovar. Esta última com direito a uma passagem totalmente Iron Maiden no final. Todas estas faixas citadas são espetaculares.
A sua faixa favorita, assim como a minha, provavelmente será a épica "End Of Days". Uma combinação perfeita de Hard Rock, Heavy Metal e Metal Progressivo. Com seus nove minutos, é imprevisível e fantástica.
A quase balada "When I'm Older" poderia ser considerada um hit, graças a seu refrão grudento. O mesmo acontece com a espetacular "Break". Aqui, tiro o chapéu para JSS, pois sua performance arrepia.
O álbum é finalizado com a sombria e cadenciada, "Karma's Kiss", e a simplesmente Rock And Roll, "Fail To Pieces". Esta última conseguiu o efeito desejado, de concluir os trabalhos em alto nível.

Fico a todo instante me perguntando o motivo de ter demorado tanto para ouvir este álbum. Se você gosta de hard rock ao pé da letra e que flerta diretamente com o heavy metal, largue tudo e corra atrás de "Inside The Vertigo".

Jeff Scott Soto com nova banda em um álbum pesado e moderno
4.5
10/12/2017

Que Jeff Scott Soto é um vocalista espetacular nós já sabemos. Porém, algo que deve ser destacado também sobre sua longa carreira, é que JSS dificilmente se repete. Os projetos que participa e até mesmo seus álbuns solo possuem notável diferenciação, sendo que atravessa estilos como: pop, hard rock, AOR, rock clássico e heavy metal. SOTO é o nome desta nova banda/projeto e traz uma sonoridade surpreendente e que desperta a atenção logo de cara. Peso (muito peso), melodia e uma produção espetacular fazem de "Inside The Vertigo" um dos melhores trabalhos de 2015.

Assim que começa a primeira faixa "Final Say", recebemos logo de cara um petardo. Peso, muito peso, com a voz de Jeff em ótima forma e trazendo um cartão de visita empolgante. Agora, tente ficar parado com "The Fall". Com seu refrão grudento, é impossível.
Vários momentos deste álbum são de puro heavy metal de extrema qualidade. "Narcissistically Yours", "Trance", "Jealousy" e "Wrath" estão aí para comprovar. Esta última com direito a uma passagem totalmente Iron Maiden no final. Todas estas faixas citadas são espetaculares.
A sua faixa favorita, assim como a minha, provavelmente será a épica "End Of Days". Uma combinação perfeita de Hard Rock, Heavy Metal e Metal Progressivo. Com seus nove minutos, é imprevisível e fantástica.
A quase balada "When I'm Older" poderia ser considerada um hit, graças a seu refrão grudento. O mesmo acontece com a espetacular "Break". Aqui, tiro o chapéu para JSS, pois sua performance arrepia.
O álbum é finalizado com a sombria e cadenciada, "Karma's Kiss", e a simplesmente Rock And Roll, "Fail To Pieces". Esta última conseguiu o efeito desejado, de concluir os trabalhos em alto nível.

Fico a todo instante me perguntando o motivo de ter demorado tanto para ouvir este álbum. Se você gosta de hard rock ao pé da letra e que flerta diretamente com o heavy metal, largue tudo e corra atrás de "Inside The Vertigo".

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Jorn - Heavy Rock Radio (2016)

Uma interessante releitura de grandes clássicos
4
Por: Tiago
29/05/2018
Album Cover

Jorn Lande And Trond Holter - Dracula: Swing Of Death (2015)

O grande trabalho de Jorn Lande como compositor
4.5
Por: André Luiz Paiz
26/09/2017
Album Cover

Free - Fire And Water (1970)

Uma influência cercada de músicalidade e talento por todos os lados.
5
Por: Bruno Lessa Cardoso
05/07/2018