Bem-vindo ao 80 Minutos

Nós amamos música e adoramos compartilhar nossas avaliações sobre os álbuns de nossas bandas favoritas.

Resenha: The Dear Hunter - The Color Spectrum (2011)

Por: André Luiz Paiz

Acessos: 99

Compartilhar:

Facebook Twitter
User Photo
Album Cover
Um belo respiro distante dos trabalhos mais progressivos
4
22/03/2017

Achei este trabalho bem diversificado em comparação ao que Casey tem mostrado nos demais trabalhos do The Dear Hunter. Diversificado no bom sentido, pois é um disco muito bem produzido e com qualidade excelente. Casey é um excelente compositor e cantor, além de estar acompanhado de grandes músicos.

O projeto em questão, denominado "The Color Spectrum", consiste em uma coleção de 9 EPs, em que cada um deles representa uma cor diferente. Esta versão "Standard" contém, digamos assim, o que tem de melhor nos EPs. Aqui, Casey navega por águas distantes do Rock Progressivo, direcionando o grupo para um rock mais direto e alternativo. O resultado é extremamente positivo.

Quando conheci esta banda americana, fiquei viciado e comecei a ouvir um disco após o outro. Confesso que este trabalho me surpreendeu, pois me permitiu um respiro de toda a complexidade dos demais trabalhos no momento certo.

Sobre as faixas: Por se tratar de um apanhado dos EP's, há uma diversificação bem interessante, com faixas que dificilmente viriam a figurar um álbum de estúdio convencional. E é exatamente isso que o torna interessante. Há momentos de Hard Rock, Rock Experimental, Country, Folk e Metal Progressivo. Assim, minha recomendação é definitivamente uma audição completa.

Dê uma chance para o álbum e dê uma chance para esta banda espetacular.
Vale a pena!

Um belo respiro distante dos trabalhos mais progressivos
4
22/03/2017

Achei este trabalho bem diversificado em comparação ao que Casey tem mostrado nos demais trabalhos do The Dear Hunter. Diversificado no bom sentido, pois é um disco muito bem produzido e com qualidade excelente. Casey é um excelente compositor e cantor, além de estar acompanhado de grandes músicos.

O projeto em questão, denominado "The Color Spectrum", consiste em uma coleção de 9 EPs, em que cada um deles representa uma cor diferente. Esta versão "Standard" contém, digamos assim, o que tem de melhor nos EPs. Aqui, Casey navega por águas distantes do Rock Progressivo, direcionando o grupo para um rock mais direto e alternativo. O resultado é extremamente positivo.

Quando conheci esta banda americana, fiquei viciado e comecei a ouvir um disco após o outro. Confesso que este trabalho me surpreendeu, pois me permitiu um respiro de toda a complexidade dos demais trabalhos no momento certo.

Sobre as faixas: Por se tratar de um apanhado dos EP's, há uma diversificação bem interessante, com faixas que dificilmente viriam a figurar um álbum de estúdio convencional. E é exatamente isso que o torna interessante. Há momentos de Hard Rock, Rock Experimental, Country, Folk e Metal Progressivo. Assim, minha recomendação é definitivamente uma audição completa.

Dê uma chance para o álbum e dê uma chance para esta banda espetacular.
Vale a pena!

Sample photo

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Quer Mais?

Veja as nossas recomendações:

Album Cover

Gentle Knife - Clock Unwound (2017)

Música emocionante, vibrante e com um caos controlado.
3.5
Por: Tiago Meneses
26/01/2018
Album Cover

Rick Wakeman - Criminal Record (1977)

Uma mistura muito bem dosada de tudo feito por Wakeman até então
4.5
Por: Tiago Meneses
24/03/2019
Album Cover

Anderson/Stolt - Invention Of Knowledge (2016)

Retorno aos gloriosos dias do apogeu do Yes
4
Por: Roberto Rillo Bíscaro
24/07/2018