Para os que respiram música assim como nós


Artigo

Phil Collins: In The Air Tonight fora do ar para Trump

Acessos: 189


Por: Roberto Rillo Bíscaro

20/10/2020

Dia 14 de outubro, o candidato à reeleição Donald Trump visitou a cidade de Des Moines, no estado de Iowa. O presidente chegou ao aeroporto à noitinha e enquanto o avião presidencial taxiava, ouvia-se In The Air Tonight, clássico do primeiro álbum-solo de Phil Collins. As centenas de apoiadores se derramaram em aplausos, ainda mais, quando Trump desceu da aeronave ao som de Eye Of The Tiger, do Survivor.

A assessoria do ex-Genesis, porém, não compartilhou do entusiasmo e enviou uma carta de providência cautelar à equipe do político, para que não repetisse o uso de canções do baterista-cantor na campanha eleitoral do Republicano.

Phil Collins é o mais recente, numa lista de proibições, que só aumenta. Artistas/herdeiros de direitos autorais que já proibiram uso de material na campanha de Trump incluem Tom Petty, Rolling Stones, Neil Young, Village People, Rihanna, R.E.M., Prince, Panic! At the Disco, Pharrell Williams, Nickelback, Adele, George Harrison, Elton John e Guns N’ Roses.

FONTE: www.dailymail.co.uk

As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor


Compartilhar

Comentar via Facebook

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.
Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito e aberto para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.