Para os que respiram música assim como nós


Artigo

O André Rieu do metal

Acessos: 87


Autor: Marcel Z. Dio

07/09/2020

Eu juro que tento levar o Metallica a sério, como levei um dia, no entanto, eles forçam demais a barra com alguns projetos e artifícios para tapear os fãs. Esse negócio (S&M2) semelhante ao nome de fita crepe, (não?) fez sucesso na primeira versão, mas pelo amor né ?, agora ta virando caça níquel. Os caras já tocaram na Antártida, e em lugares onde Judas perdeu as botas, qual o próximo passo? tocar na beira de um vulcão em erupção e fazer um Bungee Jump com o baterista Lars, a fim de que ele queime de leve a testa na lava?, (não seria má ideia).

Tudo bem que a captação do som é fantástica, o visual espetacular e a orquestra cumpre bem seu papel, mas já torrou esse tipo de esquema.
De certo mata a vontade de quem compra até papel higiênico com o simbolo deles. É sabido também que seu publico expandiu para fora do nicho roqueiro, o que de certa forma é legal, e para daqui a pouco vão lançar outros pacotes de S&M ou sei lá o que.
Sinceramente, não passarei o pano nesse caça níquel do Metallica, o que ouvi foi mais do mesmo, algo enveredado no épico forçado, o famoso já vimos esse filme. Tem bons momentos ? sim, e a orquestra ao contrário do que muitos disseram, não ficou em dissonância com o instrumental da banda, ou fora de sincronia, até porque esse tipo de elaboração é bem estudada e funcionou em S&M de 1999, o chato é repetir a dose de um projeto que só causa furor em quem é fanático, juntamente a um condutor que mais parece estar espantando pernilongos do que regendo.

Gostaria que o Metallica seguisse a linha do Testament, Overkill ou do Annihilator, lançando discos bons e inéditos, sem tanto cartaz. Mas ... o Metallica é gigante, maior que o próprio estilo e agora está a vias de se tornar o André Rieu do metal. E não me espantaria se num futuro próximo saíssem em turnê com o Celtic Woman.

Os textos publicados na página do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do autor


Compartilhe:

Comente: