Resenha

Winterheart's Guild

Álbum de Sonata Arctica

2003

CD/LP

Por: João Paulo

Colaborador

23/11/2018



Muito bem lapidado!

Winterheart’s Guild, um disco que marcou demais minha adolescência, conheci a banda através de músicas dos discos Ecliptica, e o tão bem falado, Silence, mas até hoje, após tantos lançamentos da banda, Winterheart’s Guild ainda é o trabalho que eu escuto do começo ao fim, e aproveito cada minuto com grandes sentimentos nostálgicos. 

Lançado em 21 de Fevereiro de 2003, gravado durante Setembro e Novembro de 2002, mixado e masterizado por Mikko Karmila e Mika Jussila, no Finnvox Studios, na Finlandia, produzido pela própria banda, todas as letras e músicas criadas pelo vocalista, Tony Kakko.

Muitos comparam os primórdios da banda, com o Stratovarius, e é justo, primeiro porque na época Tony Kakko era um grande fã de power metal, e segundo, temos uma boa participação de Jens Johansson (tecladista do Stratovarius), neste disco. Ele é o responsável pelos solos de teclado nas faixas The Cage, Silver Tongue, Victoria’s Secret e Champagne Bath.

O álbum já se inicia bastante "Stratovariano", “Abandoned, Please, Brainwashed, Exploited” já chega com tudo, velocidade, principalmente nas linhas de bateria, melodicamente bem construída, visto que Tony Kakko é o grande responsável pela maior parte dos teclados aqui, o cara além de cantar, manja mesmo das teclas, isso fica nítido durante todo o álbum. 

“Gravenimage” chega com uma cara de balada, belas linhas de teclado acompanhando a voz de Tony, aqui quem brilha é Jani Liimatainen em um belo solo de guitarra, dando entrada para uma crescente na música, guitarras rítmicas, meio groovadas, com um belo solo de teclado de Tony. 

Na sequência, temos “The Cage”, bem nas linhas da faixa de abertura, introduzida por um solo de teclado, aqui já entra as mãos de Johansson, o que nos remete a algumas faixas do Stratovarius, refrão marcante. 

“Silver Tongue” uma das que me apresentaram a banda, faixa com uma levada mais alegre, riffs e teclados bem cadenciados, mais um refrão que fica na cabeça. 

“The Misery” uma linda balada, bastante sentimental, bela execução vocal de Tony, com um lindo solo de Jani no final. 

“Victoria’s Secret”, umas das mais famosas na discografia dos caras, sem muito o que dizer, tudo de melhor que existe se tratando de power metal melódico, um dos melhores refrões do álbum. 

“Champagne Bath” veloz, bons riffs, belo trabalho de teclados. “Broken”, uma das minhas favoritas no disco, com um ambiente bem gótico. 

“The Ruins Of My Life”, outra das minhas favoritas, refrão marcante, e com riffs cativantes da parte de Jani, aliás, vale uma curiosidade, essa nasceu de uma inspiração de Tony após assistir ao filme “Coração Valente”, com Mel Gibson. 

“Draw Me”, encerra o disco, e já encerrou muitos shows da Sonata mundo afora, e tem bem cara de encerramento mesmo, outra balada bem emocional, intensa, mas não deixando de ser bela, destaque para as notas altas de Tony, e um final grandioso.

Tenho a impressão de que Tony Kakko e cia pegaram o melhor de Ecliptica, o melhor de Silence, jogaram bons elementos “stratovarianos”, e lapidaram Winterheart’s Guild. Incrível!!!

Ficarei velho, e ainda será uma das minhas principais referências quando se trata de power metal melódico finlandês.  
 
"Winterheart's Guild"
Spinefarm Records

1. Abandoned, Pleased, Brainwashed, Exploited	
2. Gravenimage	
3. The Cage	
4. Silver Tongue	
5. The Misery	
6. Victoria's Secret	
7. Champagne Bath	
8. Broken	
9. The Ruins Of My Life	
10. Draw Me


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre João Paulo

Nível: Colaborador

Membro desde: 22/10/2018

"Apenas mais um amante de Rock/Metal que existe por aí! "

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaSeventh Wonder - Tiara (2018)

    01/11/2018

  • Image

    ResenhaEdguy - Rocket Ride (2006)

    10/11/2018

  • Image

    ResenhaHaken - Vector (2018)

    29/10/2018

  • Image

    ArtigoFabio Lione: De Pisa para o mundo!

    28/11/2018

  • Image

    ArtigoMetal Nacional - Acolhendo cada vez mais os negros em seus braços!

    26/10/2018

  • Image

    ResenhaElvellon - Until Dawn (2018)

    15/03/2019

  • Image

    ResenhaTarja - Colours In The Dark (2013)

    29/11/2018

  • Image

    ResenhaKamelot - The Shadow Theory (2018)

    23/10/2018

  • Image

    ResenhaWithin Temptation - Resist (2019)

    04/02/2019

  • Image

    ResenhaLione/Conti - Lione/Conti (2018)

    25/10/2018

Visitar a página completa de João Paulo



Sobre o álbum

Winterheart's Guild

Álbum disponível na discografia de: Sonata Arctica

Ano: 2003

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,38 - 4 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Winterheart's Guild



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.