Resenha

Dead Again

Álbum de Type O Negative

2007

CD/LP

Por: Tarcisio Lucas

Colaborador

20/09/2018



Gótico, sombrio, e feliz!

Eis aqui o derradeiro registro da soturna banda vinda dos cantos mais obscuros do  Brooklyn. Infelizmente 3 anos após o lançamento de "Dead Again" o lider, mentor, baixista e vocalista Peter Steele iria encontrar os braços da Dona Morte, que por tento tempo havia cortejado em suas letras e sonoridades.

Encontrar um ponto em comum na discografia da banda é uma tarefa ingrata. Lembro que por ocasião do lançamento do disco "Bloody Kisses" aqui no Brasil, lá no meio dos anos 90, a principal revista nacional de rock e metal da época detonou o álbum, dizendo que soava como um pastiche de Danzig, só que em baixa rotação. Nunca perdoei a revista por ter dito aquilo, e o tempo provou que eles estavam errados, muito errados.
 A banda tem o incrível e raro dom de conciliar elementos profundamente contrastantes, tanto estética quanto sonoramente. Acredito que um gosto quase mórbido pelo lado sombrio da vida seja o único fator comum entre todos os lançamentos do conjunto.
"Dead Again" consegue ser, sem sombra de dúvida, a síntese de todas as diferentes propostas que a banda apresentou ao longo de seus 21 anos de estrada. Tudo está aqui, com maestria:
O punk e o hardcore visceral e cru dos tempos de Carnivore (a banda "pré TON), o clima vampiresco dos tempos de "Bloody Kisses", o lado sombrio de "October Rust", a depressão exagerada de "World Coming Down", e o lado mais pop  de "Life is Killing Me". Ah, o disco tem muita coisa de Black Sabbath, que sempre foi uma grande influência para a banda, e que aqui é levada até o seu ápice.
Sem rodeios, que fique claro desde já que se trata de um excelente disco! Type o Negative em grande estilo. 
Ao contrário de quase todos os lançamentos da banda, Dead Again não possui aquelas infinitas, enigmáticas e completamente desnecessárias vinhetas conectando as músicas, o que por si só é louvável e merece aplausos. 
O que temos aqui é música sombria do começo ao fim. mas esse "sombrio" é um tanto quanto diferente.
Enquanto bandas como The Cure, Joy Division, Katatonia, Anathema e até mesmo o Sentenced (ok, talvez o Sentenced não...) tratam a questão do sofrimento e as inúmeras dúvidas da vida com desespero e angústia, o Type O negative aqui parece...se divertir com tudo isso. Poucas vezes na história do metal - e mais ainda do metal gótico e do Doom Metal - se apresentou um conteúdo tão depressivo de forma tão.... feliz! E o mais curioso de tudo: nada parece forçado.
Tomemos por exemplo a música "The Profit Of Doom"; a musica começa com um riff que poderia estar em qualquer disco do Sabbath, dando lugar em seguida a uma passagem bem doom metal a lá Type O negative, e lá pelo meio entra em uma passagem altamente psicodélica, com muita influência de bandas de acid rock do início da década de 70...e como se não fosse suficiente, a mesma canção apresenta um solo de guitarra relativamente longo e maravilhoso, com influências de blues! 

A impressão que eu tenho é que cada música de Dead Again foi composta tendo em mente algum álbum anterior da própria banda. Por exemplo, a música Dead Again parece saída do inaugural "Slow , Deep and Hard"; a música "September Sun" (que também possui um solo de guitarra inspradíssimo!) parece saída do depressivo "World Coming Down". "The Profit of Doom" poderia estar em "Bloody Kisses". E por aí vai. 
Acredito que Dead Again renova, resgata e revigora toda a discografia da banda, tanto para a banda quanto para os fãs. Toda banda de tempos em tempos deveria fazer algo parecido, reverenciar o próprio trabalho e a própria história. 

É o disco que fará você gostar do Type O Negative? 
Não. Se você não curte a banda, continuará não gostando, isso é tão certo quanto o sol se pôr no final do dia. Antes, é o disco que fará os fãs gostarem ainda mais da banda, e, lógicamente, lamentar o fato de que esse seria o último lançamento do grupo.
Eu sei que desejar "vida longa" ao som da banda soa quase como uma piada. Mas a obra da banda está aí, cheia de qualidades, e Dead Again é um dos motivos de termos certeza que o nome Type O Negative sempre será uma referência quando o assunto for metal gótico, doom metal, ou, se preferir assim, do Heavy metal em geral!


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Tarcisio Lucas

Nível: Colaborador

Membro desde: 16/10/2017

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaGene Loves Jezebel - Promise (1983)

    26/07/2019

  • Image

    ResenhaGene Loves Jezebel - Heavenly Bodies (1993)

    08/10/2018

  • Image

    ResenhaBlackmore's Night - All Our Yesterdays (2015)

    13/06/2018

  • Image

    ResenhaPat Metheny - Charlie Haden & Pat Metheny: Beyond The Missouri Sky (1997)

    11/06/2018

  • Image

    ResenhaRhapsody of Fire - Legendary Tales (1997)

    04/01/2019

  • Image

    ResenhaThe Cure - Seventeen Seconds (1980)

    06/12/2018

  • Image

    ResenhaLegião Urbana - Dois (1986)

    13/06/2018

  • Image

    ResenhaSilent Cry - Remembrance (1999)

    30/07/2019

  • Image

    ResenhaSarcófago - The Laws Of Scourge (1991)

    20/01/2020

  • Image

    ResenhaAsia - Aria (1994)

    20/11/2019

Visitar a página completa de Tarcisio Lucas



Sobre o álbum

Dead Again

Álbum disponível na discografia de: Type O Negative

Ano: 2007

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4 - 1 voto

Avalie

você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Dead Again



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.