Resenha

Clear Air Turbulence

Álbum de Ian Gillan Band

1977

CD/LP

Por: Marcel Dio

Colaborador Sênior

11/06/2018



Entrando de cabeça no jazz rock

Após a despedida do Deep Purple com Who Do We Think We Are (1973) Ian Gillan tira dois anos de "folga" e logo parte em voo solo. Com um nome feito na praça, não seria difícil arrumar bons músicos para a tal empreita.
O primeiro trabalho em 1976 - intitulado Child in Time, indicava o que viria. Mesmo assim, o que surgiu com Clear Air Turbulence espantou a todos.
Gillan cometeu um autêntico disco de jazz fusion, no trabalho mais ousado e virtuoso de toda sua carreira, fazendo frente ao épico e também aventureiro Elements (1978) do amigo Roger Glover.

Teclados espaciais iniciam a faixa título, o que temos após, é um jazz rock com tempero funk, ou seja, uma quebradeira infernal. O endiabrado Ray Fenwick cria solos invejáveis até a Bill Frisell.

Relaxante e climática "Five Moons" tem algo de Beatles no DNA. Para ser mais preciso, bebe direto na fonte Wings.
A voz "diferentona" de Gillan tem o apoio de Ray e do baixista John Gustafson.

Impossível não pensar no primeiro disco do Captain Beyond ao ouvir as guitarras de "Money Lender". Os saxes e os trumpetes dão um toque especial.
É factível prever nos corriqueiros vocais gritados de Gillan, como seria o papel dele, se acaso fizesse parte da formação MK3. Parece insano, mas a pegada funk de Money Lander na pior das hipóteses caberia em Stormbringer (obviamente sem os naipes de metais).

Com uma abertura espetacular de bateria e baixo, "Over The Hill" tem um suingue raro, modulando vários solos de pianos e moog sobre a base da bateria.

"Goodhand Land" é recheada de percussão e na maior parcela do refrão, o baixo segue a melodia vocal.
Em certa altura, eles encarnam o som brasileiro do Azimuth pelo toque espacial dos teclados e sua parede sonora.

"Angel Manchenio" deixa destaque para todos os instrumentos.
Difícil avaliar uma canção tão diversificada, existem mudanças a cada trecho, ora soando como Earth Wind Fire (no refrão) ora como Brand X, tamanho é a riqueza da música, flertando também com ritmos latinos, progressivo e jazz.
A curiosa letra, conta a história do dia em que Gillan quase precisou participar de um duelo de facas com um cigano, isso em pleno Oriente Médio.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Marcel Dio

Nível: Colaborador Sênior

Membro desde: 14/03/2018

"Sou um amante da música, seja em qualquer estilo, rock, blues, jazz ou pop."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaPat Metheny - Zero Tolerance For Silence (1994)

    21/02/2022

  • Image

    ResenhaTrapeze - You Are The Music ...We're Just The Band (1972)

    30/06/2018

  • Image

    ArtigoRanking - Discografia do Yes

    07/11/2020

  • Image

    ResenhaLiquid Tension Experiment - LTE3 (2021)

    02/07/2021

  • Image

    ResenhaThe Doobie Brothers - Liberté (2021)

    04/12/2021

  • Image

    ResenhaRoger Glover - Elements (1978)

    07/01/2019

  • Image

    ResenhaRhye - Home (2021)

    14/08/2021

  • Image

    ResenhaYuri Fulone - Fernão Dias Paes (2019)

    07/07/2020

  • Image

    ResenhaBlue Öyster Cult - Cultösaurus Erectus (1980)

    20/10/2020

  • Image

    ResenhaMagnum - Vigilante (1986)

    02/08/2021

Visitar a página completa de Marcel Dio



Sobre o álbum

Clear Air Turbulence

Álbum disponível na discografia de: Ian Gillan Band

Ano: 1977

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,5 - 3 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Clear Air Turbulence



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.