Resenha

Free As A Bird

Álbum de Supertramp

1987

CD/LP

Por: Marcel Dio

Colaborador Sênior

04/11/2021



O retrato de um disco fracassado

Com a saída de Roger Hogdson após cumprir o "contrato" com Famous Last Words, o Supertramp manteve sua relevância com um dos discos mais estranhos e legais em sua discografia, falo de Brother Where You Bound (1985) que além das qualidades no todo, teve a participação de David Gilmour na faixa homônima, e as fantásticas Better Days e Cannonball. No resumo, um tanto quanto progressivo sem deixar o pop de fora. 
Para o próximo a tendência não funcionou, eis 1987, um ano emblemático para grupos com passados gloriosos nos anos setenta. 1987 parecia ligar-se ao pop como regra fiel, assim o Supertramp seguiu a cartilha e soltou essa bomba comercial que desagradou em cheio os fãs. Free as a Bird tentava colocar as engrenagens nos eixos, montando um quebra cabeça synth-pop sem a menor importância, ao quais salvam-se duas peças a serem comentadas na resenha, acrescidas de mais duas medianas, o restante resulta em esquecimento perpétuo.

Vamos para a introdução de It's Alright e sua boa proposta de saída, com a intenção de resgatar alguns fragmentos sonoros de Cannonball. Não chega a decepcionar, por outro lado como faixa de abertura fica longe do que um dia foi o Supertramp. Os vocais femininos e solos de piano encorajam a festa que adiante seria regada a refrigerante sem gás, cerveja quente e salgadinho vencido, pois a sequencia com Not The Moment amornava num pop que não via luz no fim do túnel.

It Doesn't Matter tentava em vão buscar componentes de Where You Bound, funcionando como tiro de espoleta para enrolar o ouvinte até a entrada de Where I Stand With You.

Free as a Bird (a canção) pincelava qualidade e foi sucesso nas rádios. A letra apresenta ambiguidades, pode ser considerada romântica, mas especula a separação de um casal, em que uma das partes não encontra motivos para continuar e agora considera-se livre. Também uma resposta (disfarçada) ao antigo colega Roger Hogdson e as tentativas fracassadas de sua volta. Briga antiga ao qual geralmente é ouvida só a versão de Roger. Quem sabe um dia saberemos que são os vilões ou o vilão desse enredo de egos. Desta feita é encerrado a primeira parte do álbum.

Logo na apresentação citei que a salvação estava em duas canções, Free as a Bird foi uma delas, a outra é “I’m Beggin’ You”. Conheço quem não goste ou ache descartável, ouço-a como envolvente desde o começo, pelos interpretação perfeita de Rick Davies até a junção ao refrão de vocais femininos, que dão um toque especial juntamente ao saxofone do figuraça Jon Helliwell, cujo a importância por vezes é subestimada. Portanto volte a I'm Beggin You caso tenha deixado passar, tenho certeza que irá reparar o erro e perceber como é agradável sua audição.
No meu ponto de vista as demais são como carne queimada, duras de engolir. Colocaria algumas fichas na levada interessante no entremeio de An Awful Thing To Waste, onde soltam frases em castelhanos e até português. Um interessante jogo de jazz, música latina e synth-pop com rap.

A promoção de Free as a Bird trouxe o Supertramp pela primeira vez ao Brasil. 
O encarte interno de Free as a Bird vinha em cores diferentes, com o pássaro da capa vazado e realçado pela cor do papel do encarte. Informação que cabe mais a título de curiosidade, pois o recheio fica devendo, tanto que o próximo disco de estúdio só foi sair dez anos depois. 


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Marcel Dio

Nível: Colaborador Sênior

Membro desde: 14/03/2018

"Sou um amante da música, seja em qualquer estilo, rock, blues, jazz ou pop."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaDire Straits - Brothers In Arms (1985)

    06/07/2018

  • Image

    ResenhaBlitz - As Aventuras Da Blitz (1982)

    24/07/2020

  • Image

    ResenhaCamel - Moonmadness (1976)

    16/03/2020

  • Image

    ArtigoO dia em que Bono Vox parou um show em Portugal

    24/11/2021

  • Image

    ResenhaEric Johnson - Tones (1986)

    14/09/2021

  • Image

    ResenhaPink Floyd - Meddle (1971)

    23/01/2020

  • Image

    ResenhaFaith No More - King for a Day... Fool for a Lifetime (1995)

    03/09/2018

  • Image

    ResenhaBlack Sabbath - Sabotage (1975)

    16/06/2020

  • Image

    ResenhaNazareth - The Catch (1984)

    08/07/2021

  • Image

    ResenhaExodus - Persona Non Grata (2021)

    21/11/2021

Visitar a página completa de Marcel Dio



Sobre o álbum

Free As A Bird

Álbum disponível na discografia de: Supertramp

Ano: 1987

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 3,17 - 3 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Free As A Bird



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.