Resenha

Keep It To Yourself

Álbum de Mullmuzzler

1999

CD/LP

Por: Márcio Chagas

Colaborador Sênior

01/11/2021



James Labrie além do Dream Theater

Todo mundo que aprecia o Dream Theater conhece também o trabalho do vocalista James Labrie. Em 1999 o cantor canadense foi procurado pelos executivos da gravadora Magna Carta, que lhe ofereceram a oportunidade de uma projeto solo, uma vez que Labrie já vinha colaborando em vários álbuns e tributos da gravadora.

Embora o Mullmuzzler seja um projeto do vocalista, não é prudente encará-lo como um disco solo, uma vez que a dinâmica do álbum é funcionar mesmo como uma banda, dando espaço para cada um dos músicos.

Falando nos músicos, alguns deles vieram do Magellan e Shadow Gallery, pois todos eles contribuíam exponencialmente com os projetos da gravadora. Matt Guillory é quem mais se sobressai nas composições ao lado de Labrie. Não é à toa que o tecladista continuou contribuindo cada vez mais no disco seguinte e na carreira solo do vocalista; O outro tecladista, Trent Gardner era o líder do grupo progressivo Magellan, O guitarrista Mike Keneally  substituiu ninguém menos que Steve Vai na banda do exigente Frank Zappa; E a cozinha é formada pelo excelente baixista Brian Beller (whitesnake e outros) e o baterista Mike Mangini, seu futuro colega de Dream Theater.

Munido de uma banda competente, James optou por trazer tonalidades vocais diferentes do que fazia em sua banda principal, se arriscando também em estilos distintos do prog metal. Isso fica claro já na faixa de abertura “His Voice” onde o vocalista canta de maneira muito mais suave nas passagens cadenciadas sem esgoelar demais como faz em sua banda;

“Belzebubba” é bastante  experimental, tem um naipe de metais como convidado, que lhe deu um certo groove. É bem interessante ver Labrie cantando com metais, algo inédito até então. Sua letra também merece menção, pois faz duras criticas ao então Bill Clinton de maneira hilária;

A longa “Shores of Avalon” flerta com o pop e tem um solo melódico de Keneally; “Slow Burn” é uma balada calcada no piano com outro grande solo. Poderia tranquilamente fazer parte do “Falling to  the Infinity”; 

A longa “Guardian Angel” lembra a banda principal do vocalista, principalmente pelas mudanças de andamento e a execução milimétrica dos músicos. Encerra o álbum “As A Man Thinks”, uma faixa melódica, cadenciada e experimental com um trabalho de vocal irrepreensível de Labrie, que faz um contraponto com o baixo fretless do convidado Mark Shannon;

Produzido pelo mago Terry Brown (Rush) e pelo próprio Labrie, é inegável que o “Mullmuzzler” entrega música de qualidade em seu primeiro álbum. Porém a ânsia do vocalista em experimentar diferentes estilos comprometeu a identidade musical do disco.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Márcio Chagas

Nível: Colaborador Sênior

Membro desde: 14/04/2018

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaMark Isham - Blue Sun (1995)

    13/04/2019

  • Image

    ResenhaFish - Weltschmerz (2020)

    19/10/2020

  • Image

    Artigo13 DVD´s essenciais de rock progressivo

    05/04/2021

  • Image

    ResenhaJoni Mitchell - Mingus (1979)

    14/11/2020

  • Image

    ResenhaDream Theater - Falling Into Infinity (1997)

    04/01/2019

  • Image

    ResenhaOzzy Osbourne - Blizzard Of Ozz (1980)

    25/03/2018

  • Image

    ArtigoBill Bruford e Neil Peart: Quando chega a hora de parar!

    28/12/2018

  • Image

    ResenhaJohn Paul Jones - Zooma (1999)

    11/06/2020

  • Image

    ResenhaDixie Dregs - Unsung Heroes (1981)

    10/10/2020

  • Image

    ResenhaIron Maiden - Live After Death (1985)

    31/03/2018

Visitar a página completa de Márcio Chagas



Sobre o álbum

Keep It To Yourself

Álbum disponível na discografia de: Mullmuzzler

Ano: 1999

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4 - 2 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Keep It To Yourself



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.