Resenha

Resurrection Kings

Álbum de Resurrection Kings

2016

CD/LP

Por: Márcio Chagas

Colaborador Sênior

20/02/2021



Craig Goldy e Vinny Appice recriam o "Whitesnake 87"!

O Resurrection Kings nasceu de um projeto entre o produtor Serefino Perugino da Frontiers records e o guitarris 'Don't Have to Fight No More' ta Craig Goldy (Dio, Giuffria, Budgie e outros). Serafino pediu a Goldy que formasse uma banda ou um projeto para gravar um álbum de heavy metal tradicional.

Imediatamente ele recrutou o vocalista Chas West (Bonham, Tribe Of Gypsies), uma vez que já tinham manifestado a vontade de trabalhar juntos. Para formar a cozinha vieram o baixista Sean McNabb ( Lynch Mob , Dokken , Quiet Riot ,  Burning Rain ) e a grande surpresa: seu colega dos tempos do Dio, o baterista Vinny Appice, conhecido também por seus trabalhos com o  Black Sabbath  e  Heaven and Hell.

Os teclados ficaram a cargo do produtor, compositor e músico Alessandro Del Vecchio e o novo grupo se reuniu na região da Lombardia, Itália para realizar as gravações. 

É nítido que o grupo foi reunido com o intuito meramente comercial, para gravar e fazer sucesso no meio do metal. Não parece existir um companheirismo por parte dos integrantes, reunidos pela gravadora para entregar um material pré determinado. 

Tal fato de maneira algum tira o mérito do disco, principalmente levando em conta que todos os músicos são excelentes no estilo que se propõe a fazer: Um hard rock  / heavy metal de qualidade calcado em conceitos tradicionais do estilo, como Goldy / Appice fizeram nos primeiros anos com o Dio e nos demais grupos pelos quais passaram todos seus integrantes. 

O resultado não decepciona, a banda apresenta um Hard n´ heavy  tradicional com pitadas de blues e AOR, produção limpa, cozinha coesa, com a bateria à frente, fazendo um contraponto com as guitarras bem timbradas e os vocais limpos de West em destaque. 

Falando no vocalista, esse tenta trazer para sua performance uma forte influência de David Coverdale dos primeiros anos e de Ronnie Dio em alguns momentos. Não é um cantor excepcional mas dá conta do recado com maestria.

A cozinha McNabb / Appice mostra sua eficiência sem se arriscar: Ou seja, fazem aquela base característica dos discos 80´s do estilo sem arriscar com inovações.

Sempre tive algumas reservas em relação a Craig como guitarrista, principalmente na sua primeira participação na banda de Dio ainda nos anos 80. Mas não dá pra comparar um jovem de vinte e poucos anos com a pesada tarefa de substituir uma figura carismática como viviam Campbell, com sua figura atual, um experiente músico que já rodou o mundo capitaneando grupos e projetos diversos. Goldy entrega uma performance acima da média, basta escutar sua entrada em “Who Did You Run To”.

Outros destaques: ”'Don't Have to Fight No More” com forte influência da Rainbow de Blackmore; A cadenciada “Livin Out Loud”, que tem um pezinho nos anos 70 e nos remete remotamente ao Led Zeppelin; A pesada e melódica  “Hard Enough” com refrão empolgante e riff grudento; E a boa balada “Never Say Goodbye” que poderia ter entrado no Whitesnake 87, tamanha similaridade com a sonoridade do grupo de Coverdale naquela época;

O único álbum homônimo foi lançado em 2016 e apesar de boa receptividade a banda não voltou a se reunir até os dias de hoje. Uma pena, pois o quarteto tem fôlego para novos trabalhos de qualidade.

“Resurrection Kings” não traz nenhuma novidade, mas se você gosta das bandas oitentistas como Whitesnake, Dokken, Dio,  Blue Murder e outras similares, com certeza vai adorar este álbum.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Márcio Chagas

Nível: Colaborador Sênior

Membro desde: 14/04/2018

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaDeep Purple - Come Taste The Band (1975)

    18/03/2018

  • Image

    ResenhaVan Halen - Van Halen (1978)

    26/08/2019

  • Image

    ResenhaU2 - The Joshua Tree (1987)

    02/05/2021

  • Image

    ResenhaZakk Wylde - Book Of Shadows (1996)

    04/04/2020

  • Image

    ResenhaThe Michael Schenker Group - The Michael Schenker Group (1980)

    30/09/2020

  • Image

    ResenhaSmith/Kotzen - Smith/Kotzen (2021)

    07/07/2021

  • Image

    ResenhaUriah Heep - Into The Wild (2011)

    30/07/2021

  • Image

    ResenhaLed Zeppelin - Led Zeppelin II (1969)

    10/08/2019

  • Image

    ArtigoNa faixa: Há 50 anos os Beatles registravam as fotos para a capa mais Icônica do rock

    27/09/2019

  • Image

    ResenhaTommy Bolin - Teaser (1975)

    31/05/2020

Visitar a página completa de Márcio Chagas



Sobre o álbum

Resurrection Kings

Álbum disponível na discografia de: Resurrection Kings

Ano: 2016

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 3,5 - 1 voto

Avalie

você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Resurrection Kings



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.