Resenha

Alone Together

Álbum de Gungfly

2020

CD/LP

Por: Tiago Meneses

Colaborador Top Notch

22/10/2020



Confirmando a consistência do catálogo musical de Rikard Sjöblom

Não há dúvida alguma que Rikard Sjöblom é um dos músicos mais ocupados na cena progressiva atual. A mente que estava por trás da incrível banda sueca – que eu ainda sonho com um retorno – Beardfish, agora divide o seu tempo entre a Big Big Train – de qual é guitarrista -, além de lançar discos solos regularmente sob a bandeira de Gungfly. Alone Together é o seu disco mais novo. De volta à sua banda estão os irmãos Petter e Rasmus Diamant, no baixo e bateria respectivamente.

 “Traveller” é a faixa que inicia o álbum. Uma faixa onde não existe perda de tempo para mostrar logo alguns elementos de composição que são a marca registrada de Rikard. Podemos notar aqui uma ideia mais crua de rock e menos camadas instrumentais – como costumamos encontrar em seus trabalhos anteriores. Mesmo que inegavelmente existam alguns momentos instrumentais de puro brilhantismo, não tem como deixar de constatar que a entrega aqui está mais focada em batidas de hard rock mais direta. Eu gosto de primeiras músicas que já conseguem transmitir a vibração que será encontrada em todo o álbum, e “Traveller” consegue fazer exatamente isso. Um começo de disco no mesmo nível de qualidade do seu trabalho usual. O solo de guitarra pouco depois da metade da faixa é um dos destaques de todo o álbum.

“Happy Somewhere in Between” quando começa parece que estamos diante de alguma banda de southern rock contemporâneo – tanto pela instrumental quanto pela própria linha vocal de Rikard. A faixa traz o lado mais humorístico da escrita do músico junto de uma melodia como já citada, não tão comum para os padrões da banda. Esta faixa passa uma sensação muito legal, além de elevar o álbum a um novo astral. No final possui um solo de órgão que sem dúvida alguma é o destaque da faixa. 

“Clean as a Whistle” começa com apenas violão e voz e vai ganhando seus demais instrumentos ao longo que se desenvolve. Apesar de começar em forma de uma balada – e até parecer que vai permanecer assim -, aos poucos ela se dirige para um caminho em que suas nuances a levam ao preenchimento musical em uma linha mais hard rock e com algumas belas melodias progressivas. 

“Alone Together” já no seu início consegue remeter o ouvinte a algumas vibrações progressivas dos anos setenta. Traz uma introdução de órgão bastante proeminente e um riff de baixo simplesmente matador, além de uma guitarra também muito boa. Então que entra o vocal gritado de Rikard – algo que apesar de ele gostar de fazer na Beardfish, ele não fazia a um tempo em carreira solo. Em seus quase dez minutos, podemos dizer que esta faixa percorre por todos os lados possíveis, mas sem jamais perder a sua coerência. Este tipo de música sempre esteve presente em cada álbum do Gungfly e não seria diferente aqui, inclusive podendo ser considerado um dos grandes momentos do disco. 

“From Afar” é a música mais curta do álbum. Apresenta apenas vocais, violão e piano em um clima meio country. Uma faixa bastante tranquila e com instrumentação interessante. Aquele tipo de música que eu digo ser ótima pra respirar entre duas peças mais densas como é o caso da faixa anterior e o épico final. 

Apesar de eu indicar o disco por completo, caso você queira ouvir apenas uma das faixas, eu lhe aconselharia a maravilhosa “On the Shoulder of Giants” que fecha o álbum com maestria. Todos os elementos possíveis de rock and roll podem ser encontrados nela. O instrumento principal fica por conta do trabalho vocal ao longo da faixa, incluindo em uma belíssima seção intermediária com a voz acompanhada somente pelo piano. Essa parte da música inclusive é arrepiante e consegue mostrar o alcance incrível em que Rikard é capaz de chegar, além, claro, da sua enorme capacidade em transitar por inúmeros terrenos em apenas uma música. O final da faixa também é cirúrgico, trazendo de volta o tema principal e um solo de guitarra maravilhoso. 

Alone Together mostra o quão consistente é o catálogo de Rikard. Gungfly certamente é um projeto que ainda não conhece erros, onde mesmo apresentando diferentes influências em cada disco, a fórmula de como produzir música em alto nível permanece intacta. Um dos ingredientes certamente é o fato de Rikard sempre recrutar músicos talentosos para se juntar a ele.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Tiago Meneses

Nível: Colaborador Top Notch

Membro desde: 28/09/2017

"Sou poeta, contista e apaixonado por música desde os primórdios da minha vida, onde o rock progressivo sempre teve uma cadeira especial."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaVangelis - Heaven And Hell (1975)

    13/03/2019

  • Image

    ResenhaJames LaBrie - Elements Of Persuasion (2005)

    09/07/2020

  • Image

    ResenhaRick Wakeman - Lisztomania (1975)

    23/03/2021

  • Image

    ResenhaHaken - Virus (2020)

    04/06/2020

  • Image

    ResenhaDiscipline - Captives Of The Wine Dark Sea (2017)

    21/02/2018

  • Image

    ResenhaArlekin - Disguise Serenades (2014)

    03/11/2021

  • Image

    ResenhaCynic - Focus (1993)

    05/04/2022

  • Image

    ResenhaArgent - Ring Of Hands (1970)

    19/03/2022

  • Image

    ResenhaSieges Even - The Art Of Navigating By The Stars (2005)

    04/11/2017

  • Image

    ResenhaSteven Wilson - Hand. Cannot. Erase. (2015)

    06/10/2017

Visitar a página completa de Tiago Meneses



Sobre o álbum

Alone Together

Álbum disponível na discografia de: Gungfly

Ano: 2020

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,5 - 1 voto

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Alone Together



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.