Resenha

Histórias E Bicicletas (Reflexões, Encontros E Esperança)

Álbum de Oficina G3

2014

CD/LP

Por: fortheloveofmusic

Usuário

28/09/2020



A perfeita fusão de gospel e metal

O último disco até enquanto da banda gospel de São Paulo mostra tudo o que vem construindo desde Humanos perfeitamente, o disco foi dedicado a falecida esposa de Mauro Henrique, Jakylene Dantas

1 Diz-O riff baseado em Honor Thy Father (Dream Theater) mostra que a sonoridade metal do disco anterior veio pra ficar, porém mais refinada, mais bem trabalhada ao invés da brutalidade pura, o verso já demonstra o uso de elementos eletrônicos, melodias mais digeríveis, riffs mais criativos e progressivos, um poderoso refrão, baixo criativo, teclado brilhante, letras reflexivas, já demonstra a proposta mais lapidada em relação a Depois da Guerra, a música não tem solo, mas não faz falta, pois aqui não faltam solos geniais, o quase breakdown serve a proposta da música bem melhor em minha opinião, uma grande faixa de abertura, pra já começar quente.

2 Água Viva-A música mais próxima do disco anterior, mas ainda diferente, o efeito bem aplicado na voz, e a edição que faz a guitarra soar distante, teclados bem utilizados, a genial bateria do refrão combinada com o poderoso e melódico refrão, o segundo verso já é pancada total, sem frescura, o disco vai se mostrando cada vez mais ousado, com elementos eletrônicos e baterias intricadas, o solo é o primeiro de vários geniais solos de Juninho Afram, a técnica e a melodia vem junto pra criar esse incrível solo que termina numa nova parte, um clímax melódico seguido pelo o épico refrão final culmina num piano final, a faixa compete para ser a melhor composição da banda.

3 Encontro-A primeira de muitas geniais baladas no disco, mostra o primeiro uso do elemento acústico, mas sem deixar as guitarras como Player 2, os 2 se complementam pra criar a bela faixa, junto com o criativérrimo trabalho de Duca Tambasco, que faz o trabalho da vida no disco, o refrão mostra o poder e beleza da voz de Mauro Henrique, o solo mostra como usar a técnica na melodia, coisa em que Juninho Afram se tornou mestre, a bela poesia que interrompe a música e se torna o grande momento dela junto com o belo refrão, musicalmente talvez não seja impressionante, nem nada de novo, mas é ótima no que quer fazer.

4 Confiar-Talvez a melhor balada do disco, não só pelo belíssimo arranjo quanto pela letra, que só é complementada pelo ótimo clipe (https://www.youtube.com/watch?v=kcXPUzO2X0s) que que mostra o que a letra quer dizer, a primeira parte da música contém somente o belo arranjo de violão, e vai se construindo discretamente até culminar no apoteótico segundo refrão que é o clímax da música junto com o belíssimo solo, mas a música só fica perfeita com o clipe que mostra de verdade a mensagem.

5 Não Ser-O rock volta em alto estilo com o baixo distorcido e Juninho Afram e Alexandre Aposan quebrando tudo, e Jean Carllos mostrando tudo que pode fazer, o baixo quase cantado do verso, a música é eufórica, parece não parar um segundo pra respirar, sempre tem algo novo acontecendo, as já elogiadas melodias mostram porquê são os destaque do disco, moderno com seu toque de clássico, a produção inglesa faz toda a diferença, é notável o quanto os bretões ajudaram pra criar o disco mais criativo e diferente da banda.

6 Compartilhar-Progressiva, melódica, criativa, enfim, mais um exemplo do quanto a banda deu nesse disco, há um apito que lembra um pouco o lendário "AAAH" de Robert Plant em The Immigrant Song, a música fala sobre a desigualdade e dificuldade de alguns na vida, tudo isso com elementos criativos de Prog, e os duetos teclado-guitarra de Depois da Guerra voltam, mas diferentes, e temos mais um belíssimo solo com todos os elementos de Juninho Afram, técnica, 2 hands, melodia, bends precisos, muito uso de alavanca, 

7 Descanso-Composta por Mauro e Jakylene, fala sobre a luta da mesma sobre o câncer e a confiança e descanso no Pai, a certeza de que tudo que acontecer está na mão dele, e como isso gera um descanso e leveza no ser humano, a faixa serve de música mais lenta do disco e com apelo mais pop, mas isso é seu charme, ela não precisa de baterias complexas, solos técnicos, ela é boa por si mesma.

8 Aos Pés da Cruz-Cover de uma antiga música gospel, ela dá uma nova roupagem a um clássico e diria que é melhor que a já ótima canção de Kleber Lucas, a bela letra só é complementada pelos ornamentos Rock'n'Roll da banda, foi a faixa de divulgação do disco, é uma ótima faixa, com uma bela melodia, mas como um cover não tem muito o que se dizer, mesmo por ser uma música mais simples.

9 Sou Eu-A crescente, a adição lenta dos instrumentos vai criando um ótimo Rock sobre o que Aristóteles chamava de a substância do ser e como a igreja faz a séculos conecta a filosofia clássica grega com a teologia, o destaque é a construção de tudo que é lenta e bem feita pra criar um poderoso e completo refrão, que é o destaque da música, que depois entra num "mantra" que se repete acompanhado de início somente por um piano que vai construindo e com instrumentos se adicionando até chegar  no ótimo refrão final, uma ótima faixa bem criativa e bem construída.

10 Lágrimas-Com participação de Leonardo Gonçalves na composição , a balada bem construída e de bela letra é a música mais longa do disco, e sabe se utilizar da sua grande extensão pra criar um bom clima e uma bela e melancólica letra, que fala sobre a luta da vida e a reconstrução que Cristo faz na nossa vida, o destaque fica pra difíceis trocas entre voz natural e falsete que Mauro faz no verso "Mais um dia a luz, invadirá minha sombras" e pra bela performance de Jean Carllos na música, é uma ótima composição e que se aproveita de sua longa duração bem.

11-Save Me From Myself-A música em inglês segue o padrão Contemporary christian music" mas com um pouquinho mais de peso e com o distorcido baixo de Duca Tambasco, é a típica música que algum artistinha gospel genérico traduz, lança e bomba, mas tem seus bom momentos como os overdubs e múltiplos canais de voz típicos da produção inglesa e do solo que se usa de bastante dissonâncias e o efeitos angélicos do teclado no final, é a mais fraquinha do disco mas é até legalzinha.

Veredito final: É em quase todos os quesitos o melhor da banda, melhores composições, melhores solos (nesse quesito ele empata com o indiferença) melhor baixo, melhor teclado, composição mais criativas, uma verdadeira obra-prima


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre fortheloveofmusic

Nível: Usuário

Membro desde: 10/04/2020

"pelo o amor á música"

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaAngra - Fireworks (1998)

    25/05/2020

  • Image

    ResenhaAngra - Angels Cry (1993)

    26/09/2020

  • Image

    ResenhaGreen Day - American Idiot (2004)

    10/04/2020

  • Image

    ResenhaAngra - Secret Garden (2014)

    15/06/2020

  • Image

    ResenhaMy Chemical Romance - Three Cheers For Sweet Revenge (2004)

    24/05/2020

Visitar a página completa de fortheloveofmusic



Sobre o álbum

Histórias E Bicicletas (Reflexões, Encontros E Esperança)

Álbum disponível na discografia de: Oficina G3

Ano: 2014

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,75 - 2 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Veja mais opiniões sobre Histórias E Bicicletas (Reflexões, Encontros E Esperança):

  • 05
    mar, 2020

    Reflexões sobre nosso ser

    User Photo Marcio Alexandre

Visitar a página completa de Histórias E Bicicletas (Reflexões, Encontros E Esperança)



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.