Resenha

The Grand Experiment

Álbum de The Neal Morse Band

2015

CD/LP

Por: André Luiz Paiz

Webmaster

04/12/2017



A nova banda de Neal Morse

Curioso fiquei, quando li que Neal Morse estava lançando um reality show parecido com o que fez o Dream Theater com a saída de Mike Portnoy. Chamado "Chance Of A Lifetime", o projeto visava estabelecer um novo grupo, com figuras fixas para acompanhar Neal em turnês e em seus novos projetos. Da seleção foram escolhidos: Bill Hubauer (tecladista excelente, que também toca violino, clarinete, sax, e por aí vai...), Eric Gillette (guitarras), e Jason Giani (bateria). Jason foi o único a ser escolhido como um músico de Backup, que seria acionado diante de uma possível indisponibilidade de Mike Portnoy. Os demais músicos são, é claro, Neal Morse e seu fiel escudeiro Randy George (baixo).
Para a gravação deste trabalho, Neal Morse propôs uma interação maior entre os membros, sendo que a maioria do conteúdo foi desenvolvido e aprimorado durante as sessões de estúdio. Fato notável durante a execução das faixas, já que é possível captar esta atmosfera.
Outro detalhe interessante do grupo, é que os vocais agora são divididos principalmente entre Neal, Eric e Bill. Estes dois últimos dividem os vocais mais agudos, já que a voz de Neal, apesar de ainda bela, perdeu um pouco neste sentido com o passar do tempo.

O álbum abre com a faixa "The Call", uma das mais similares com a estrutura já conhecida dos trabalhos de Neal em carreira solo. A letra também não inova muito, já que traz mensagens com propósitos religiosos e com conteúdo diversas vezes já cobertos por Neal. Basicamente é algo do tipo: busque pela luz e ouça o chamado. No mais, a faixa é muito boa e não decepciona em termos de melodia.
A faixa-título se destaca pelo refrão, que gosto bastante, além de uma levada mais rock.
Das inúmeras virtudes musicais de Neal, uma das melhores é o seu dom para compôr belas melodias. "Waterfall" demonstra claramente. Uma balada lindíssima, contando com vocalizações de todos os membros do grupo.
Agora um ponto baixo. Sinceramente, não sei o quanto Neal Morse está orgulhoso da sua "Agenda", mas esta faixa serve somente para faixa bônus (no máximo). Irritante e cansativa, não acrescenta em nada para o restante do trabalho.
Característica da maioria dos trabalhos de Neal Morse, eis que chegamos à épica "Alive Again". Com mais de vinte e seis minutos, trata-se de uma viagem e um relato sobre o reencontro da luz e motivação para viver. A faixa é excelente, com passagens instrumentais, momentos mais lentos e outros bem pesados, algo bem comum nas canções do Transatlantic. O destaque aqui fica para a alternância entre os vocalistas. Eric e Bill não decepcionam.

O álbum também foi lançado com uma edição especial, contendo mais algumas faixas. "New Jerusalem (Freedom Is Coming)" é interessante por possuir melodia de fácil assimilação. Uma faixa para cantar junto, embora a letra não seja muito inovadora. "Doomsday Destiny" é mais rápida. Na minha opinião poderia ter entrado facilmente no lugar de "Agenda". É estranho eu dizer que o refrão me lembra as canções do Roupa Nova?
"MacArthur Park" é uma adaptação de Bill Hubauer para a canção originalmente escrita por Jimmy Webb. Está OK onde foi colocada, como faixa do CD bônus.

Uma estreia interessante, porém é possível notar uma fórmula um pouco desgastada em alguns momentos e uma certa falta de inspiração em algumas letras. Fato notável é que Neal Morse conseguiu montar um belo grupo, com uma mescla de juventude e experiência. Músicos que certamente irão se destacar em projetos futuros.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre André Luiz Paiz

Nível: Webmaster

Membro desde: 20/03/2017

"Sou um profissional de Tecnologia da Informação apaixonado por música. Criei o site do 80 Minutos para que as pessoas possam compartilhar suas opiniões sobre os seus álbuns favoritos e propagá-las Brasil afora"

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaAsia - Asia (1982)

    19/09/2017

  • Image

    ResenhaEagles - Hotel California (1976)

    05/09/2017

  • Image

    EntrevistaJohnny Gioeli

    27/08/2018

  • Image

    ResenhaWings - Venus And Mars (1975)

    10/11/2017

  • Image

    ResenhaRoine Stolt - Manifesto Of An Alchemist (2018)

    22/03/2019

  • Image

    EntrevistaGuilherme Costa

    02/12/2018

  • Image

    ResenhaGeorge Harrison - All Things Must Pass (1970)

    25/04/2018

  • Image

    ResenhaFree - Free (1969)

    04/02/2020

  • Image

    ResenhaEric Gillette - The Great Unknown (2016)

    05/12/2017

  • Image

    ResenhaThe Beatles - With The Beatles (1963)

    29/06/2018

Visitar a página completa de André Luiz Paiz



Sobre o álbum

The Grand Experiment

Álbum disponível na discografia de: The Neal Morse Band

Ano: 2015

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 3,75 - 2 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Veja mais opiniões sobre The Grand Experiment:

  • 08
    jul, 2018

    Uma das grandes canções prog da década

    User Photo Roberto Rillo Bíscaro

Visitar a página completa de The Grand Experiment



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.