Resenha

Knights Call

Álbum de Axel Rudi Pell

2018

CD/LP

Por: André Luiz Paiz

Webmaster

16/07/2020



Focando no hard

Assim como já por alguns anos, Axel Rudi Pell segue consistente e lançando discos a cada dois anos. Com "Knights Call" o guitarrista apostou mais no hard, deixando um pouco a velocidade e peso de lado, mas atingindo novamente um ótimo resultado.

A formação segue a mesma desde a saída de Mike Terrana: Volker Krawczak, Axel Rudi Pell, Ferdy Doernberg, Johnny Gioeli e Bobby Rondinelli - este último um ótimo encaixe. O que temos aqui é mais uma vez um ótimo grupo de músicos executando com maestria o que foi criado pelo seu líder. No mais, é só subir o som e curtir.

E vamos aos destaques: gostei bastante da dupla de abertura (após a introdução), "The Wild And The Young" e "Wildest Dreams", duas faixas bem puxadas pra o hard e que grudam de cara. Depois, temos "Long Live Rock", também de fácil assimilação e trazendo as já conhecidas influências de Rainbow que Axel tanto explora. "The Crusaders of Doom" é uma balada épica com destaque para Johnny na interpretação. Depois temos uma instrumental chamada "Truth And Lies" que soa como filler e a bela balada "Beyond The Light", com o selo de qualidade de Axel. Para nossa alegria, o hard retorna bem em "Slaves On The Run" e "Follow The Sun", que não são espetaculares mas trazem energia. Por fim, o disco é finalizado com a épica "Tower Of Babylon", com melodia que foge um pouco do tradicional já explorado por Axel. Gostei do peso e proposta que ela traz.

O disco rendeu turnê como sempre, além de também permitir a comemoração dos trinta (!!!) anos de banda. Realmente Axel Rudi Pell merece elogios por manter-se tanto tempo na cena. Não é um clássico, mas dá pra se divertir.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre André Luiz Paiz

Nível: Webmaster

Membro desde: 20/03/2017

"Sou um profissional de Tecnologia da Informação apaixonado por música. Criei o site do 80 Minutos para que as pessoas possam compartilhar suas opiniões sobre os seus álbuns favoritos e propagá-las Brasil afora"

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaMegadeth - Dystopia (2016)

    25/07/2017

  • Image

    ResenhaRainbow - Stranger In Us All (1995)

    03/09/2020

  • Image

    ResenhaUriah Heep - Firefly (1977)

    11/11/2020

  • Image

    ResenhaBad Company - Straight Shooter (1975)

    04/02/2020

  • Image

    ResenhaPaul McCartney - Flaming Pie (1997)

    24/10/2018

  • Image

    EntrevistaFabio Lione

    08/08/2019

  • Image

    ResenhaRingo Starr - Sentimental Journey (1970)

    06/08/2020

  • Image

    ResenhaBad Company - Company of Strangers (1995)

    22/03/2017

  • Image

    ResenhaElectric Light Orchestra - The Electric Light Orchestra (1971)

    29/10/2020

  • Image

    ResenhaGamma Ray - Empire Of The Undead (2014)

    25/08/2017

Visitar a página completa de André Luiz Paiz



Sobre o álbum

Knights Call

Álbum disponível na discografia de: Axel Rudi Pell

Ano: 2018

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4 - 1 voto

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Knights Call



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.