Resenha

In Trance

Álbum de Scorpions

1975

CD/LP

Por: Fábio Arthur

Colaborador Especialista

07/07/2020



No caminho correto

Um álbum em que os Scorpions foram bem mais à frente de que os discos antecessores. 

Aqui começa os problemas com as artes de capas e também a mudança sonora. O disco flui melódico no Hard com Metal. A excelente fonte de composições de Uli Jon Roth se mantém, mas o peso das guitarras e as baladas de Rudolf e Klaus permeiam o álbum todo. O trabalho chegou em 1975 e mostrou que os Scorpions foram ficando a cada álbum mais agressivos em seu teor musical. 

Dark Lady inicia pesada e com Jon Roth na voz, e o disco segue entre ótimas melodias e riffs pesados. In Trance dá nome ao disco e soa belíssima, com uma nuance bem setentista mas com guitarras pesadas. A rocker Robot Man acabou sendo destaque na tour e Life is Like a River é muito bem elaborada. Destaque para o vocal de Meine. Top of the Bill traz um trocadilho no nome e mostra um som muito pesado e com os drives ferozes fazendo linha com a guitarra. Longing for Fire é melódica e muito emotiva, trazendo a veia que o grupo iria seguir depois. Night Lights é instrumental e fecha o álbum com a veia de Roth na linha de frente. 

Eu não conhecia esse disco quando o comprei. Na verdade, eu havia comprado o seu sucessor e foi nessa fase que resolvi comprar todos do grupo. O único problema foi achar esse trabalho, pois só encontrava importado e todo o esforço foi árduo, tendo que ser feira a importação. Esperei um mês para chegar o disco e na época a coisa era precária demais nesses termos. Enfim, eu creio que nesse long play a banda começou em rumar para o sucesso; a tal escalada.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Fábio Arthur

Nível: Colaborador Especialista

Membro desde: 04/02/2018

"Obtive meu primeiro contato com o Rock, com o grupo KISS no final de 1983, após essa fase, comecei a me interessar por outros grupos, como Iron Maiden, do qual ganhei meu primeiro vinil o "Killers" e enfim, adquiri o gosto por outras bandas, como Pink Floyd, John Coltrane, AC/DC entre outras."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaRoberto Carlos - O Inimitável (1968)

    25/06/2020

  • Image

    ResenhaBillie Holiday - Billie Holiday (1954)

    31/01/2021

  • Image

    ResenhaJudas Priest - Nostradamus (2008)

    06/05/2021

  • Image

    ResenhaGenesis - Duke (1980)

    30/07/2021

  • Image

    ResenhaMayhem - De Mysteriis Dom Sathanas (1994)

    12/07/2020

  • Image

    ResenhaMotorhead - We Are Motörhead (2000)

    10/08/2020

  • Image

    ResenhaTitãs - Cabeça Dinossauro (1986)

    26/04/2020

  • Image

    ResenhaGorgoroth - Destroyer Or About How To Philosophize With The Hammer (1998)

    14/11/2020

  • Image

    EntrevistaSnake

    31/07/2020

  • Image

    ResenhaAlice Cooper - Lace and Whiskey (1977)

    12/11/2020

Visitar a página completa de Fábio Arthur



Sobre o álbum

In Trance

Álbum disponível na discografia de: Scorpions

Ano: 1975

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,44 - 9 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Veja mais opiniões sobre In Trance:

  • 28
    jan, 2019

    Encaixando as engrenagens

    User Photo André Luiz Paiz

Visitar a página completa de In Trance



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.