Resenha

After Bathing at Baxter's

Álbum de Jefferson Airplane

1967

CD/LP

Por: Tiago Meneses

Colaborador Especialista

24/06/2020



O espirito de 1967 soando otimista, atraente e bonito

Apesar de achar After Bathing at Baxter's um ótimo disco, às vezes muito me surpreende a forma que ele é tratado – não só ele, mas tantos outros da época -, com um verdadeiro entusiasmo que me fazem crer estar frente a uma verdadeira obra-prima. Não acho pra tanto, mas realmente é um ótimo disco gravado na segunda metade dos anos sessenta. Foi lançado no mesmo ano de Surrealistic Pillow, e embora não seja difícil achar algumas semelhanças principalmente em termos de produção e som, a direção musical desta vez mudou um pouco. Inclusive vejo isso como uma melhoria. Este álbum é dividido em cinco séries de músicas que são inter-relacionadas em sua seção.

After Bathing at Baxter's começa de maneira bastante forte com, “The Ballad Of You & Me & Pooneil”, uma música que pode ser chamada de tudo, menos balada. Logo de cara o disco apresenta algo de qualidade mais alta do que de qualquer coisa do disco anterior. “A Small Package of Value Will Come to You Shortly” é uma faixa que soa bastante dentro do padrão RIO de se fazer música. Não é um tipo de som pra ser absorvido logo de primeira. “Young Girl Sunday Blues” é uma faixa muito boa, onde não é difícil de enxergar uma reminiscência de “Somebody to Love”. 

“Martha” é uma música tipicamente folk/psicodélica e com harmonias vocais muito agradáveis. Bastante no clima da época, combina extremamente bem os momentos acústicos e elétricos. Vale mencionar que a flauta na música é feita por Grace Slick, mas em um teclado. “Wild Tyme” traz a banda de volta para um ambiente psicodélico elétrico, com ótimos trabalhos de guitarra, além de uma bateria frenética. “The Last Wall Of The Castle” é certamente um dos melhores momentos do disco, um típico protótipo de rock and roll ácido que funciona muito bem para o momento do disco. 

“Rejoyce” eu não sei se tem o nome mais propício para a faixa, mas de qualquer maneira, junto da peça anterior, são as duas melhores faixas do álbum. Provavelmente seja a faixa mais sombria entre todas do catálogo do grupo. Guitarras silenciosas sob uma voz encantadora de Slick e piano usando de seções desconexas e algumas influências até orientais. Seria interessante ver o que seria da banda se eles tivessem decidido abordar esse tipo de som dali pra frente. “Watch Her Ride” é um som bastante direto e cativante, os vocais são masculinos com Slick fazendo o apoio nos refrãos. Os destaques principais aqui ficam por conta das ótimas linhas de baixo. 

“Spare Chaynge” é a faixa mais longa do disco com mais de nove minutos. Mas o que poderia ser o momento de maior brilho, com a banda tendo mais tempo até pra mesclar tantas boas ideias, simplesmente não funciona. Ainda posso dizer que é uma boa faixa, pra não ser tão duro. Tudo não passa de uma paisagem sonora experimental entre guitarra, bateria e baixo. Mas sinceramente, se eu quisesse ouvir alguma coisa desse tipo, não faltam bandas clássicas de Krautrock que fazem isso com muito mais propriedade. Tem bons momentos? Tem sim – inclusive achei muito boa a ideia de influência indiana- mas no geral é muito tempo de música que não diz nada. 

“Two Heads” é um dos grandes clássicos da banda e de presença constante em seus concertos. Uma guitarra bastante forte, além de um vocal fabuloso de Grace Slick. Como dito, um dos maiores clássicos da banda. “Won't You Try/Saturday Afternoon” é a faixa que finaliza o álbum. E verdade seja dita, finalize o disco muito bem. Foi imortalizada pela apresentação da banda em Woodstock. Os vocais são simplesmente excelentes. Costumo dizer que esta música pode dar o mesmo efeito hipnótico que “White Rabbit”. Também pode figurar tranquilamente entre as melhores faixas da banda.

“After Bathing At Baxter's” é um passo adiante em relação ao trabalho realizado em Surrealistic Pillow, mesmo ainda com alguns momentos pouco empolgantes. O disco trata-se de uma peça conceitual experimental que explorava uma experiência psicodélica, e que talvez não seja tão simples pra deixar se levar quanto aconteceu em Surrealistic Pillow, porém, após mais algumas audições, tudo começa a soar ótimo.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Tiago Meneses

Nível: Colaborador Especialista

Membro desde: 28/09/2017

"Sou poeta, contista e apaixonado por música desde os primórdios da minha vida, onde o rock progressivo sempre teve uma cadeira especial."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaGenesis - The Lamb Lies Down on Broadway (1974)

    18/01/2018

  • Image

    ResenhaDream Theater - Images And Words (1992)

    08/03/2019

  • Image

    ResenhaRick Wakeman - Out There (2003)

    18/01/2021

  • Image

    ResenhaO Terço - Criaturas da Noite (1974)

    13/04/2018

  • Image

    ResenhaAllan Holdsworth - Hard Hat Area (1993)

    23/06/2020

  • Image

    ResenhaRick Wakeman - Country Airs (1986)

    17/01/2021

  • Image

    ResenhaVan Der Graaf Generator - Still Life (1976)

    23/06/2018

  • Image

    ResenhaBjörk - Homogenic (1997)

    16/10/2017

  • Image

    ResenhaBetween The Buried And Me - Colors (2007)

    17/05/2022

  • Image

    ResenhaLos Exploradores - Inventure (2019)

    09/04/2021

Visitar a página completa de Tiago Meneses



Sobre o álbum

After Bathing at Baxter's

Álbum disponível na discografia de: Jefferson Airplane

Ano: 1967

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4 - 1 voto

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de After Bathing at Baxter's



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.