Resenha

Dynasty

Álbum de Kiss

1979

CD/LP

Por: Fábio Arthur

Colaborador Especialista

19/04/2020



Voltando ao sucesso

Após quatro discos solos de cada integrante em 1978, o Kiss voltou a ficar na mídia novamente. Se os discos solos de Gene e Peter não foram tão bem aceitos, os de Paul e Ace se deram bem, e essa amplitude continuou dando certo em "Dynasty", de 1979.

Começou então a era disco e o Kiss se viu inserido nela. E a coisa andou bem, afinal. Vini Poncia, a pedido exigente de Criss, produziu o trabalho. O disco soa muito bem trabalhado, chega com uma sustentação perfeita nas vozes e no que concerne ao instrumental. 

O álbum traz uma arte linda e chamativa e o som por igual. Então, o disco chega com Pop, Rock, Disco e Hard. Assim, também a banda traz Ace e também Peter nos vocais, além logicamente de Paul e Gene. Mas Peter infelizmente só toca na faixa "Dirt Livin", pois, devido seu problema com álcool, chamaram Anton Fig e o mesmo tentou soar igual, mas com um pouco mais de swing.

O álbum chegou ao nono lugar e os vídeos para tv foram sucesso, assim como a turnê. "I Was Made for Loving You" é fantástica, inclusive na voz de Paul. "2000 Man" veio da cover dos Stones na voz de Ace e que vocal hein! "Sure Know Somenting" também arrebenta em melodia e refrão, se tornando absoluta. Que música, boa! "Magic Touch" é eterna e maravilhosa, ambiciosa. E "X-Ray Eyes", poderosa como o álbum e nos traz um riff delicioso e uma batida certeira na bateria. Ainda no fim, tem "Save Your Love". 

Álbum marcante e forte e mesmo sendo bem diferente. Um clássico mesmo com todos os imprevistos.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Fábio Arthur

Nível: Colaborador Especialista

Membro desde: 04/02/2018

"Obtive meu primeiro contato com o Rock, com o grupo KISS no final de 1983, após essa fase, comecei a me interessar por outros grupos, como Iron Maiden, do qual ganhei meu primeiro vinil o "Killers" e enfim, adquiri o gosto por outras bandas, como Pink Floyd, John Coltrane, AC/DC entre outras."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaExumer - Rising From The Sea (1987)

    23/06/2021

  • Image

    ResenhaScorpions - Eye II Eye (1999)

    20/01/2021

  • Image

    ResenhaEngenheiros Do Hawaii - A Revolta dos Dândis (1987)

    22/07/2020

  • Image

    ResenhaAlice Cooper - Lace and Whiskey (1977)

    12/11/2020

  • Image

    ResenhaAlice Cooper - Detroit Stories (2021)

    04/03/2021

  • Image

    ResenhaBon Jovi - 7800° Fahrenheit (1985)

    15/09/2020

  • Image

    ResenhaKreator - Endless Pain (1985)

    17/09/2018

  • Image

    ResenhaRamones - Pleasant Dreams (1981)

    10/02/2021

  • Image

    ResenhaDuke Ellington - Duke Ellington Presents... (1956)

    17/01/2021

  • Image

    ResenhaOzzy Osbourne - Speak Of The Devil (1981)

    09/08/2019

Visitar a página completa de Fábio Arthur



Sobre o álbum

Dynasty

Álbum disponível na discografia de: Kiss

Ano: 1979

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 3,73 - 11 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Veja mais opiniões sobre Dynasty:

  • 11
    jun, 2018

    O início de um novo Kiss

    User Photo André Luiz Paiz

Visitar a página completa de Dynasty



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.