Resenha

Rising Force

Álbum de Yngwie Malmsteen

1984

CD/LP

Por: Tiago Meneses

Colaborador Top Notch

01/04/2020



Essencial para quem deseja entender a conexão entre o metal e o clássico

Eu devo admitir que por muitos anos, eu fui aquele tipo de pessoa que simplesmente ficava malhando o Malmsteen com aquele velho jargão de que o cara só é velocidade e nada de música. Mas apesar de em muitos momentos sua música realmente ter um gosto de isopor, ele passa longe de ser apenas isso e tem sim discos interessantes, onde ao menos pra mim, Rising Force, seu trabalho de estreia, é o maior exemplo disso. 

"Black Star” é a faixa de abertura do disco e tem na introdução uma brincadeira no violão clássico. A música ganha corpo e combina as habilidades de Malmsteen com a guitarra distorcida e uma melodia fantástica com claras inclinações barrocas. De certa forma Malmsteen parece ir longe demais com os solos de guitarra, mas a melodia dessa música é algo simplesmente espetacular. 

“Far Beyond the Sun” é ainda melhor do que a primeira, o guitarrista adota o aspecto mais metal da sua música, mas sem deixar de ser extremamente cuidadoso em manter uma boa melodia. A interação entre teclado, baixo e bateria com a guitarra os liderando é uma coisa maravilhosa de se ouvir. A estrutura sinfônica também é surpreendente. 

“Now Your Ships Are Burned” tem uma vantagem nos vocais, porque Jeff Scott Soto acrescenta a energia necessária, mas sem precisar ir muito longe com rosnados e outros sons chatos. Mesmo em uma música onde o teclado é um bom complemente, a estrela é Malmsteen e sua guitarra. Tem um solo orientado para o blues que é um verdadeiro deleite, um blues com uma bateria um pouco mais rápida que o comum, digamos assim. 

“Evil Eye" começa com uma introdução de guitarra barroca bastante suave, mas sem demorar muito nesse clima a banda ataca com tudo o que eles têm, criando uma melodia orientada meio para o flamenco. O virtuosismo de Malmsteen mais uma vez é mais do que evidente. 

“Icarus' Dream Suite Op.4” não é nada menos do que arrebatadora e mais todos os elogios possíveis e imagináveis. Essa música tem uma carga tão dramática que às vezes dói o coração. Do começo ao fim tudo se desenvolve perfeitamente, a banda mantem a agressão sempre sobre controle, tornando os climas das harmonias ainda mais nostálgicos com as interrupções de guitarra. Simplesmente de tirar o fôlego. 

“As Above, So Below” começa com uma introdução no órgão com fortes influências em Bach, de atmosfera misteriosa e quase sacra, mas então que de repente se transforma em uma música fluida e com excelentes vocais. 

“Little Savage” não é exatamente uma música ruim, mas quando estamos acostumados a ver a mistura de metal com música clássica, uma faixa assim fica “comum” demais. Mas apesar disso é um bom trabalho e não compromete o disco. “Farewell” é uma pequena faixa em que por cerca de cinquenta segundos o guitarrista faz uma performance suave e bonita pra finalizar o disco. 

Não sou um grande fã do guitarrista e eu pegar um dos seus discos pra ouvir é algo quase impossível de acontecer, porém, devo admitir que em Rising Force mostra algo diferente, algo mais acalorado e menos artificial. Impecável e essencial para quem deseja entender a conexão entre o metal e o clássico.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Tiago Meneses

Nível: Colaborador Top Notch

Membro desde: 28/09/2017

"Sou poeta, contista e apaixonado pela música progressiva em todas as suas facetas."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaDruckfarben - Druckfarben (2011)

    28/05/2021

  • Image

    ResenhaRick Wakeman - White Rock (1977)

    04/02/2021

  • Image

    ResenhaFrank Zappa - Hot Rats (1969)

    13/04/2021

  • Image

    ResenhaNemo - Le Ver Dans Le Fruit (2013)

    24/03/2022

  • Image

    ResenhaAnthony Phillips - Field Day (2005)

    16/04/2021

  • Image

    ResenhaCaja de Pandora - Caja De Pandora (1981)

    29/05/2020

  • Image

    ResenhaRichard Wright - Broken China (1996)

    14/07/2020

  • Image

    Resenha Peter And The Wolf (1975)

    13/04/2020

  • Image

    ResenhaEvergrey - In Search Of Truth (2001)

    24/02/2022

  • Image

    ResenhaRush - 2112 (1976)

    24/05/2018

Visitar a página completa de Tiago Meneses



Sobre o álbum

Rising Force

Álbum disponível na discografia de: Yngwie Malmsteen

Ano: 1984

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,79 - 7 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Rising Force



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.