Resenha

Alice In Hell

Álbum de Annihilator

1989

CD/LP

Por: Márcio Chagas

Colaborador Sênior

22/03/2020



Estreia thrash arrebatadora!

No final dos anos 80 o Thrash metal já era um estilo consagrado por crítica e público, com representantes como Slayer, Megadeth, Exodus e Kreator apenas para citar alguns. Com representação e apelo fortes iniciados ainda no inicio daquela década, era natural que houvesse uma renovação, uma segunda geração de bandas formadas por jovens entusiasmados querendo seguir os passos de seus ídolos que ajudaram a desenvolver o estilo.

Deste modo, apareceram várias novas bandas, algumas de qualidade questionável, outras com um tremendo potencial. O Annihilator foi além em seu álbum de estreia, mostrando que com apenas um disco, havia conseguido seu lugar entre os melhores.

O grupo foi formado no Canadá pelo vocalista John Bates e pelo guitarrista produtor, compositor e arranjador Jeff Waters ainda em 1984. Após varias mudanças na formação, o grupo se estabilizou com Waters, o baixista Wayne  Darley, o baterista Ray Hartman, Anthony Brian, na guitarra rítmica e Randy Rampage nos vocais.

O quinteto conseguiu gravar seu debut em 1989 através da gravadora Roadrunner que estava investindo em novos talentos do estilo, lançando inclusive o álbum no Brasil na época. Embora tivesse a formação acima, apenas o trio Waters, Rampage e Hartman participaram das gravações do disco, sendo que Jeff gravou várias linhas de baixo, tocou todas as guitarras e elaborou sozinho todos os arranjos, tomando as rédeas do grupo desde o inicio, e controlando sua sonoridade.

Alias, é exatamente na sonoridade como um todo que a banda se sobressaia. Jeff, mesmo com pouca idade (23 anos), já possuía muitas horas em estúdio e entendia razoavelmente de mixagem e efeitos, esse fator ajudou a deixar a produção muito mais límpida que a maioria das bandas iniciantes conseguiram, com um nível de clareza só conseguida por medalhões do porte do Metallica. 

Além da sonoridade límpida, o grupo apresentava um thrash que, além de agressivo, era altamente complexo, com mudanças bruscas de andamentos, paradas repentinas, alterações de ritmo e uma integração só ouvida em bandas experientes.

Outro ponto extremamente importante para a sonoridade do grupo é o fato de Waters, fã de Rady Rhoads, Eddie Van Halen e Michael Schenker,  ser um riffmaker nato, um criador de riffs imensuráveis como Dave Mustaine e Tony Iommy. Todo esse talento foi essencial para que as músicas criadas se tornassem cativantes ao ouvinte.

Fico imaginando os headbangers radicais se assuntando com a faixa de abertura, “Crystan Ann”, acústica, gravada no violão de nylon, para em seguida ser surpreendido por “Alison Hell”, canção pesada, que conta a história de uma garotinha que começou com medo de escuro e acabou apresentando esquizofrenia, assunto desenvolvido ao longo do álbum. 
Além da guitarra, os vocais agudos de Rampage são um show à parte;

Ainda merece destaque a rápida "W.T.Y.D." (Welcome to Your Death), com uma belíssima integração de guitarra e bateria; “Burns Like a Buzzsaw Blade”, com seu solo inicial matador e o vocal mais agressivo de Rampage; e a intrincada “Ligeia”;

“Alice in Hell” foi lançado em abril de 1989, foi o item mais vendido do catálogo da Roadrunner na época, e não é exagero dizer que é um álbum essencial para o thrash metal dos anos 80, devendo ficar ao lado dos maiores medalhões do estilo.

 Após o lançamento do disco, o grupo passou por novas mudanças em seu line-up, fato corriqueiro nos anos seguintes, pois Jeff seguiria como único membro original levando o Annihilator a novos desafios musicais.


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Márcio Chagas

Nível: Colaborador Sênior

Membro desde: 14/04/2018

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaDef Leppard - Pyromania (1983)

    27/11/2020

  • Image

    ResenhaThe Rolling Stones - Tatoo You (1981)

    11/04/2020

  • Image

    ResenhaFrank Zappa - The Man From Utopia (1983)

    10/04/2020

  • Image

    ResenhaDeep Purple - Deep Purple In Rock (1970)

    05/06/2020

  • Image

    ResenhaLed Zeppelin - Led Zeppelin II (1969)

    10/08/2019

  • Image

    ResenhaApocalypse - The Bridge of Light (2008)

    24/07/2019

  • Image

    ResenhaThe Firm - The Firm (1985)

    17/03/2019

  • Image

    ResenhaWhiplash

    25/10/2019

  • Image

    ResenhaSteve Morse - The Introduction (1984)

    23/10/2021

  • Image

    ResenhaFelipe Andreoli - Resonance (2021)

    01/10/2021

Visitar a página completa de Márcio Chagas



Sobre o álbum

Alice In Hell

Álbum disponível na discografia de: Annihilator

Ano: 1989

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,5 - 6 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Alice In Hell



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.