Resenha

Shake The World

Álbum de Black Swan

2020

CD/LP

Por: Diógenes Ferreira

Colaborador

20/03/2020



O canto do cisne negro

O “Cisne Negro” é mais um projeto criado pelo selo italiano Frontiers cuja seu presidente Serafino Perugino adora reunir nomes consagrados do Hard/Rock/Metal para movimentar o Marketing de sua gravadora. Então não seria diferente com esse especificamente, sendo um combo de peso reunido com o vocalista Robin McAuley (McAuley Schenker Group), o guitarrista Reb Beach (Winger, Whitesnake), o baixista Jeff Pilson (Dokken, Foreigner) e o baterista Matt Starr (Ace Frehley, Mr. Big). O álbum Shake The World chega no mercado apresentando as várias facetas desses experientes músicos com a qualidade que acompanha cada um deles em suas respectivas carreiras.

O álbum começa empolgante com a faixa-título cheia de energia, chegando a lembrar algo do saudoso Dio. A segunda faixa é um rock n’ roll básico chamado “Big Desaster” que ganhou um bom videoclipe, seguida de “Johnny Came Marching” com cadência e peso, novamente com pitadas de Dio. “Immortal Souls” vem pra esquentar o álbum com uma levada muito legal, refrão soberbo, baixo pulsando, bateria marcando e solo estupendo de Reb Beach (como sempre). Depois temos “Make it There”, uma baladaça que caberia em qualquer álbum de Hard/AOR dos anos 80. Quando o riff swingado de “She’s On To Us” começa, é certeza de mais uma faixa poderosa, com direito a mais um solo certeiro de Reb Beach. “The Rock That Rolled Away” é outro “rockão” que vem agitado com os vocais de Robin puxando o carro. E quando pensamos que o disco não pode ficar melhor, eis que vem “Long Road to Nowhere” pra meter o pé na porta. Posteriormente temos todo o ‘feeling’ de Reb Beach sendo destaque na faixa “Sacred Place” cuja as guitarras lembram um pouco “The Hunter” do Dokken, então nem precisa dizer que é uma maravilha de música certo? “Unless We Change” inicia com violoncelo, mas depois descamba para mais um “rockão” de responsa e por fim, “Divided/United” encerra o álbum de forma meio melancólica, lenta, com um piano um tanto deprê, mas... opa, de repente entra um peso das guitarras com ótima pegada da cozinha que acaba transformando a música por completo.

De maneira geral, o disco é bom. Poderia ser muito mais, haja visto o poderio e quilate dos músicos envolvidos, mas dá pra sentir que Robin McAuley continua cantando horrores e que Reb Beach continua sendo um guitarrista de mão cheia (um dos meus favoritos), sendo esses dois os grandes destaques do álbum. Resta saber se o projeto será levado adiante como uma banda, para um segundo álbum, podendo render bons frutos. Mas não sabemos ainda se faz parte dos planos dos integrantes e de Serafino Perugino. Essa resposta só o tempo irá dizer.



Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Diógenes Ferreira

Nível: Colaborador

Membro desde: 22/01/2019

"Maranhense apaixonado por música em todas as vertentes do rock e que tenta colaborar com um cenário mais digno, próspero e auto-sustentável. Editou o Hellish Zine no final dos anos 90/início de 2000, em seguida escreveu por um período para o site Whiplash. Hoje colabora no 80 Minutos."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaAdellaide - New Horizons (2019)

    01/12/2019

  • Image

    EntrevistaRicardo DeStefano

    07/10/2019

  • Image

    EntrevistaLuiz "Tilly" Alexandre

    01/03/2019

  • Image

    EntrevistaAlex Meister

    23/02/2019

  • Image

    EntrevistaHugão Away

    06/03/2019

  • Image

    ResenhaAnvil - Legal At Last (2020)

    25/03/2020

  • Image

    ResenhaSteel Prophet - The God Machine (2019)

    21/05/2019

  • Image

    EntrevistaGraziano Ciccarelli

    02/06/2019

  • Image

    ResenhaHammerfall - Dominion (2019)

    17/08/2019

  • Image

    ResenhaExumer - Hostile Defiance (2019)

    24/04/2019

Visitar a página completa de Diógenes Ferreira



Sobre o álbum

Shake The World

Álbum disponível na discografia de: Black Swan

Ano: 2020

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4 - 1 voto

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de Shake The World



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.