Resenha

All Hope Is Gone

Álbum de Slipknot

2008

CD/LP

Por: Fábio Arthur

Colaborador Especialista

23/02/2020



A esperança do novo metal

Um fator preponderante e certeiro, é que o Slipnkot bebeu na fonte do Sepultura e isso começou lá quando o grupo brasileiro lançou "Roots". Tanto é verdade, que os integrantes do Slipknot, inclusive o vocalista Corey Taylor, já declararam a influência direta da banda mineira. 

No caso do Slipknot, eles se enveredaram e se maravilharam - assim como todo estrangeiro - com as bases percussivas e as linhas de Nu-Metal das guitarras. Aliando isso a vocais guturais e ora limpos, sem drives. E assim, nasceria umas das maiores bandas do novo metal. 

Esse "All Hope is Gone" é o quarto trabalho do grupo norte americano e em especial, conseguiu atenção redobrada dos fãs; e na verdade, eles em algum trabalho antecessor já tinham conseguido o feito, mas aqui a coisa se ampliou.

Com suas faces encobertas por máscaras e vestimenta diferenciada, a banda rumou em direção ao mainstream de vez ao cair nas graças de público. A banda chegou a abrir shows do Metallica em certo momento e isso acresceu de forma significativa sua atenção. 

Para produção deste trabalho o grupo trouxe Dave Fortman, e foi a primeira vez que a banda gravou em seu estado de origem, no Iowa. Diga-se que o nível de produção é maravilhoso. 

Segundo alguns membros do grupo, o fato de gravar em casa acabou favorecendo a comunicação direta com todos da banda e facilitou no quesito relaxamento, pois estavam em seu território nato e a tranquilidade pairou sob suas cabeças. 

Nesta feita a banda conseguiu composições de todos integrantes, o que não ocorrera de fato nos discos anteriores e foram mais de trinta canções para escolherem as que vinculariam no álbum.

A banda chegou tão imponente nessa fase que superou até mesmo os artistas mais famosos daquele momento nos EUA, inclusive os rappers. A banda, com sua postura agressiva, ora meio que diabólica  e tantos outros artefatos, surtiu como um dos preferidos dos jovens e não somente na América do Norte como na Ásia e América do Sul. 

Entre o Groove Metal, Nu Metal, e Alternativo, a banda destila seu som de forma muito coesa e moderna, fato são faixas exemplares como: "Gematria", "Sulfur", "Psychosocial", "Vendetta", "Snuff" e "All Hope is Gone". O disco caminha entre a bateria suprema, vocais límpidos em tons agradáveis e muito afinados, além de guitarras que comandam em riffs muito bem compostos, marcantes e que dão a sensação de um trem desgovernado arrastando tudo em seu caminho. Uma ótima sensação é ouvir esse disco nos fones, dá uma outra dimensão.

Confesso ser admirador do grupo, principalmente do terceiro disco adiante e esse petardo realmente chama atenção de quem gosta de metal sem o preconceito de vertentes. A arte do disco também acaba sendo sugestiva, macabra e curiosa ao mesmo tempo. 

Só por pra rolar!


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Fábio Arthur

Nível: Colaborador Especialista

Membro desde: 04/02/2018

"Obtive meu primeiro contato com o Rock, com o grupo KISS no final de 1983, após essa fase, comecei a me interessar por outros grupos, como Iron Maiden, do qual ganhei meu primeiro vinil o "Killers" e enfim, adquiri o gosto por outras bandas, como Pink Floyd, John Coltrane, AC/DC entre outras."

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ArtigoAC/DC: Rock do bom!

    10/08/2020

  • Image

    ResenhaGenesis - Duke (1980)

    30/07/2021

  • Image

    EntrevistaSnake

    31/07/2020

  • Image

    ResenhaSaxon - Wheels Of Steel (1980)

    05/12/2019

  • Image

    ResenhaOzzy Osbourne - The Ultimate Sin (1986)

    13/11/2018

  • Image

    ResenhaLegião Urbana - Dois (1986)

    31/05/2021

  • Image

    ResenhaUriah Heep - Sweet Freedom (1973)

    11/08/2020

  • Image

    ResenhaKreator - At The Pulse Of Kapitulation (2008)

    13/11/2020

  • Image

    ResenhaKreator - Coma Of Souls (1990)

    04/02/2020

  • Image

    ResenhaAC/DC - Rock Or Burst (2014)

    30/04/2020

Visitar a página completa de Fábio Arthur



Sobre o álbum

All Hope Is Gone

Álbum disponível na discografia de: Slipknot

Ano: 2008

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 4,2 - 5 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Visitar a página completa de All Hope Is Gone



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.