Resenha

Crazy Nights

Álbum de Kiss

1987

CD/LP

Por: Vitor Sobreira

Colaborador

16/10/2017



Mantendo a concorrência

Com a explosão mundial do Hard Rock e do Metal nos anos 80, o Kiss não poderia deixar passar a oportunidade de se renovar e tentar permanecer nas paradas de sucesso, e, com Crazy Nights, o quarto disco da fase sem mascaras, nos mostrou que esta disposto a concorrer com varias outras bandas da tão concorrida cena. Ame ou odeie, é a banda mais quente do mundo!

Um excelente disco... Só essa frase já seria o suficiente para resumir o trabalho em questão. Ora, na época, o Kiss contava com uma das suas mais poderosas formações, e mesmo dando uma "amaciada" no seu Hard Rock, o repertorio é de primeira e não deve nada as outras bandas e pessoas que se ofenderam com o álbum. Vemos o uso mais acentuado dos teclados, aparecendo de maneira modesta, mas que deu um apoio necessário as musicas e fazendo lembrar um pouco do AOR.

No período das gravações, o (literalmente) linguarudo Gene Simmons, andava muito "atarefado" com suas outras atividades artísticas, deixando assim, a liderança quase que absoluta para Paul Stanley, que além de tocar guitarra base e compor, ainda cantou em 7 dos 11 temas ! Falando nisso, vale mencionar também que vocal de Gene está mais polido, limpo e sem aquela 'agressividade' vista nos álbuns anteriores, mas que se encaixaram bem.

Os demais músicos merecem total destaque, pois além de já estarem bem entrosados, combinaram perfeitamente com a 'nova' proposta da banda. Bruce Kulick, um grande e virtuoso guitarrista, que tocava seus solos quase que na velocidade da luz e que trouxe muito ao Kiss. Eric Carr (já falecido), detonava seu enorme kit de bateria, com levadas e viradas insanas e sempre tentando imprimir um pouco mais de velocidade em certas músicas, fato que talvez seja por causa dele que os chefões resolveram, ao longo dos anos, criar faixas como "Under The Gun" do disco Animalize, "I´m Alive" do Asylum, "Boomerang" do Hot In The Shade e "No No No" do disco que escrevo aqui. É claro que Paul e Gene não ficam para trás, sendo o primeiro um grande vocalista e 'frontman' e o segundo um ótimo vocalista e baixista (quando queria, é claro).

Poderia citar todas as faixas, mas para encurtar a sua leitura, meu bondoso leitor, tenho certeza que a própria faixa titulo, "Crazy Nights", a forte "I´ll Fight Hell To Hold You", a já citada "No No No", a sensual "Good Girl Gone Bad" e o hit 'Reason To Live" te pegarão desprevenido!

O álbum foi certificado com Disco De Platina, mantendo o Kiss por cima, mesmo que sem o luxo e as extravagancias de outrora. Se você, por puro preconceito ou por falta de interesse mesmo, nunca quis ouvir este álbum, dê uma conferida, nem que seja por curiosidade!


Nota: As publicações de textos e vídeos no site do 80 Minutos representam exclusivamente a opinião do respectivo autor



Comentários

Faça login para comentar

IMPORTANTE: Comentários agressivos serão removidos. Comente, opine, concorde e/ou discorde educadamente.

Lembre-se que o site do 80 Minutos é um espaço gratuito, aberto e democrático para que o autor possa dar a sua opinião. E você tem total liberdade para fazer o mesmo, desde que seja de maneira respeitosa.



Sobre Vitor Sobreira

Nível: Colaborador

Membro desde: 13/10/2017

Veja mais algumas de suas publicações:

  • Image

    ResenhaThe Black Crowes - Shake Your Money Maker (1990)

    30/04/2019

  • Image

    ResenhaBurzum - Belus (2010)

    04/03/2020

  • Image

    ResenhaThe Birthday Massacre - Pins and Needles (2010)

    25/01/2019

  • Image

    ResenhaSoulfly - Primitive (2000)

    08/04/2019

  • Image

    ResenhaAC/DC - The Razors Edge (1990)

    02/06/2018

  • Image

    ResenhaNightwish - Oceanborn (1998)

    16/10/2017

  • Image

    ResenhaDimmu Borgir - In Sorte Diaboli (2007)

    01/11/2017

  • Image

    ResenhaKing Crimson - Red (1974)

    28/08/2020

  • Image

    ResenhaAccept - Accept (1979)

    11/08/2020

  • Image

    ResenhaAxel Rudi Pell - Oceans Of Time (1998)

    06/11/2019

Visitar a página completa de Vitor Sobreira



Sobre o álbum

Crazy Nights

Álbum disponível na discografia de: Kiss

Ano: 1987

Tipo: CD/LP

Avaliação geral: 3,64 - 11 votos

Avalie

Você conhece esse álbum? Que tal dar a sua nota?

Faça login para avaliar

Veja mais opiniões sobre Crazy Nights:

  • 10
    jan, 2022

    O ápice do hard farofa

    User Photo Marcel Dio
  • 19
    mai, 2020

    Um trabalho coerente e fértil

    User Photo Fábio Arthur
  • 18
    out, 2018

    Quase um álbum solo de Paul Stanley

    User Photo André Luiz Paiz

Visitar a página completa de Crazy Nights



Continue Navegando

Através do menu, busque por álbums, livros, séries/filmes, artistas, resenhas, artigos e entrevistas.

Veja as categorias, os nossos parceiros e acesse a área de ajuda para saber mais sobre como se tornar um colaborador voluntário do 80 Minutos.

Busque por conteúdo também na busca avançada.